Picape estreia como quarta mais vendida em fevereiro, acima de veteranas como Amarok e L200

Fiat Toro
Divulgação
Fiat Toro

Se fevereiro for indicativo de como será o resto do ano, a Fiat  tem muito o que comemorar. A picape Toro estreou com 1.117 veículos emplacados no mês, acumulando 1.148 (as 31 unidades de janeiro são de teste). O resultado a coloca na quarta posição do mês, à frente de sua rival Renault Oroch (que teve 821 unidades vendidas no mês passado) e de velhas conhecidas como Volkswagen Amarok e Mitsubishi L200 Triton .

No acumulado, a Toro fica na sétima posição, acima apenas da Nissan Frontier que vendeu 476 unidades nos dois primeiros meses do ano. Não parece muito, mas o sexto colocado é a L200 , com 1.176, 28 unidades a mais do que a novidade da Fiat. A Oroch , na quinta posição, conta 1.683 veículos desde o início de 2016, apenas 535 unidades acima da Toro .

A diferença de preço não ajudou a Oroch . A picape da Renault parte de R$ 64.000, na versão Expression 1.6 de 115 cv, e chega a R$ 72.400 no modelo Dynamique 2.0 de 145 cv. Está bem abaixo dos R$ 76.500 pedidos pela Toro na versão Freedom 1.8 flex de 139 cv, a configuração de entrada. O modelo topo de linha da Fiat é o Volcano 2.0 diesel de 170 cv, por R$ 116.500.

O caminho para a liderença será longo. A Toyota Hilux continua a dominar o mercado, com 2.249 unidades vendidas em fevereiro, 5.087 no acumulado. A segunda colocada é a Chevrolet S10 , que emplacou 1.179 no mês e 2.444 no total. Embora tenha vendido 948 unidades, menos do que a Toro , a Volkswagen Amarok segue na terceira posição do ranking no acumulado, somando 2.041. Prestes a passar por uma reestilização, a Ford Ranger teve um bom resultado, com 1.218 unidades no último mês e 1.920 no total.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.