Hermanos ficam com caixa automática de quatro marchas, enquanto nós teremos uma versão mais moderna CVT

Nissan March ganha câmbio automático de quatro marchas na Argentina. No Brasil, teremos câmbio CVT.
Divulgação/Nissan
Nissan March ganha câmbio automático de quatro marchas na Argentina. No Brasil, teremos câmbio CVT.

Nissan se prepara para vender March e Versa com câmbio CVT no Brasil. Enquanto isso, na Argentina, o hatchback ganha uma antiquada caixa automática de quatro marchas, que já é usada por lá no sedã Versa, por 268 mil pesos (cerca de 66 mil).

No mercado argentino, o modelo topo de linha terá esse câmbio, que irá trabalhar em conjunto com o motor 1.6 16V de 107 cv. É uma transmissão com certa idade, mas melhor do que as automatizadas da Fiat e Volkswagen . Tanto March quanto Versa s ão importados para lá do México.

Nissan March ganha câmbio automático de quatro marchas na Argentina. No Brasil, teremos câmbio CVT.
Divulgação/Nissan
Nissan March ganha câmbio automático de quatro marchas na Argentina. No Brasil, teremos câmbio CVT.

Por aqui, aguardamos pelo CVT, prometido pela marca em 2014, quando a dupla foi reestilizada. Segundo apurou a reportagem de iG Carros , o  Versa será o primeiro a receber a novidade, até maio, por ter uma demanda maior. O March fica para depois, ainda sem uma data marcada, mas será antes do lançamento do crossover Kicks, cuja estreia deverá acontecer em agosto, na época das Olimpíadas no Rio de Janeiro. O futuro utilitário utiliza a mesma plataforma V, o que facilita a adaptação do câmbio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.