Esse é caso onde o ator principal (o carro) não recebe nada para trabalhar e quase sempre acaba seriamente acidentado

Alguém pode perguntar: "Por que só 8?" Só para a matéria não ficar muita longa, pois verdade seja dita, a lista de carros espetaculares, que em muitos casos se tornam o ator ou atriz principal, não tem fim.

Mesmo antes de terminar esta matéria já estou pensando na segunda com o mesmo tema. Se você tiver alguma sugestão e quiser compartilhar, vá no nosso Face www.facebook.com/igcarros/  e manda pra gente.


1) 1964 ASTON MARTIN DB5 - Goldfinger

Carros do Cinema
Divulgação
Carros do Cinema

Mesmo sem as geniais modificações feitas para o filme, esse carro é uma obra de arte, representando um dos pontos altos do estílo e alto desempenho dos carros ingleses. Lançado em 1963, seu motor de 6 cilindros em linha com 4 litros, produz 282 cavalos que são despejados nas rodas traseiras pela transmissão manual de 5 marchas. Sua velocidade máxima é de 232 km/h, fazendo de 0 a 100 km/h em 7,1 segundos. No filme o DB5 tinha um escudo a prova de balas, metralhadoras saindo do para-choques, assento do carona ejetável e soltava uma cortina de fumaça e óleo para seus perseguidores derraparem. O “ DB ” foi uma homenagem a David Brown, presidente da Aston Martin . Em 2010, o carro que estrelou o filme foi vendido num leilão da Sotheby's  por US$ 4,6 milhões!  

Veja o belo vídeo do Aston Martin DB5 de James Bond: 

 2) 1968 MUSTANG GT 390 FASTBACK - Bullit

Carros do Cinema
Divulgação
Carros do Cinema

Esse filme é considerado um dos mais influentes de todos os tempos, um verdadeiro "cult" com tecnicas e linguagem de filmagem que estabeleceram novos padrões. Boa parte disso se deve à clássica e alucinante cena de quase 10 minutos, onde Steve McQueen, pilotando um Mustang Fastback verde, persegue um Dodge Charger R/T pelas ruas de San Francisco, California. Em determinados momentos, os carros atingiram a velocidade 180 km/h. Este GT390 representa a primeira geração de Mustangs , que foi de 1965 a 1973. Seu motor é um V8 de 6,5 litros atado a uma transmissão manual de 4 marchas. As rodas traseiras recebem 325 cavalos e levam o carro a máxima de 210 km/h, passando pelos 100 km/h em 6,1 segundos.

Veja um pedaço da perseguição no filme. Lembre-se, isso foi filmado há 48 anos!

3) 1968 VW KOMBI T2A - Lost

Carros do Cinema
Divulgação
Carros do Cinema

Se você não assistiu “Lost”, get lost. O principal veículo utilitário da Dharma eram as Kombis . Uma delas capotou na floresta e décadas mais tarde foi encontrada por Hurley. Para sorte dele, dentro tinha uma caixa de cervejas Dharma! A cena icônica é quando Sawyer e Jin empurram a Kombi montanha abaixo, com Hurley no volante tentando fazer a lata velha pegar no tranco e Charlie ao seu lado. A trilha sonora é a deliciosa “Shambala”  de “Three Dogs Night”. A  T2A tinha um 4 cilindros de 1,6 litros com 47 cavalos e transmissão manual de 4 marchas. A Kombi nasceu em 1950 e 3,5 milhões de unidades foram fabricadas no mundo todo, sendo que 1,5 milhões no Brasil. Em 12 de dezembro de 2013 a última foi produzida pela VW Brasil. Mil e duzentas unidades de uma série especial de despedida foram feitas. 

Veja a bela cena da Kombi do Lost dirigida por Hurley descendo o morro: 

Curta esse belo e emocionante vídeo da despedida da Kombi: 

4) 1973 FORD XB FALCON GT351 “PURSUIT SPECIAL” - Mad Max

Carros do Cinema
Divulgação
Carros do Cinema

Esse era para ser um filme despretensioso, que deveria passar despercebido. Seu orçamento era pífio. Mas deu tudo errado e o filme deu todo certo: um mega sucesso que faturou altíssimo. Mad Max (o primeiro) é simplesmente espetacular, tem tudo o que a gente gosta: violência gratuita, explosões, carros iradíssimos e perseguições com muitos acidentes, tudo isso com bom gosto! O Falcon GT351  foi um modelo fabricado só para o mercado Australiano. Seu motor é um V8 de 5,8 litros que produz 300 cavalos, leva o carro a 193 km/h, passando pelos 100 km/h em 8,1 segundos. Foi com base nele que fizeram o  “Pursuit Interceptor” , um carro assustador, com um tremendo visual e altíssimo desempenho, mas tudo mentira, nenhum equipamento extra funcionava de verdade, tudo efeito visual. Exatamente igual ao ator principal, Mel Gibson.

Veja um pedaço hiper colérico do filme:

5) 1976 LOTUS ESPRIT SERIES 1 - O Espião Que Me Amava

Carros do Cinema
Divulgação
Carros do Cinema

Essa Lotus exemplifica bem a mudança radical de desenho dos carros super esportivos da década de 1970. Com linhas alongadas e ângulos fortes, ela lembra bastante a Lotus 72 que Emerson Fittipaldi pilotou na sua primeira vitória na Fórmula 1, em 1970, no GP de Watkins Glen. A Esprit foi lançada em 1976 e se transformou num sucesso imediato, alavancado pelo seu papel no filme de James Bond, no mesmo ano. Além das tralhas normais que se espera num carro do assassino do governo Inglês, o que deixou o público sem folego na época, foi uma cena onde a Lotus de Bond é perseguida por uma motocicleta, depois por uma carro e um helicóptero, para então decolar de uma rampa, cair no mar e se transformar num submarino. Se isso não for suficiente para você, James tinha como passageira a gatérrima (naquela época...) Barbara Bach. A Lotus do filme foi vendida em 2013 por US$ 920 mil. Seu motor é um 4 cilindros em linha com 2 litros que produz 160 cavalos. O carro faz de 0 a 100 km/h em 8 segundos e alcança a máxima de 214 km/h

Veja o vídeo original da perseguição e transformação do carro em um submarino:

6) 1977 PONTIAC FIREBIRD TRANS AM - Agarre-me Se Puderes

Carros do Cinema
Divulgação
Carros do Cinema

Mesmo tendo sido lançado em 1970, foi após esse filme, em 1977, que o Trans Am virou um ícone. Suas linhas musculares e agressivas, mais o ronco do seu motor cativaram uma geração. Dirigido pelo mega astro da época Burt Reynolds, o Trans Am voava através de pontes quebradas e dava um baile nos carros da polícia durante as perseguições. Seu motor é um V8 de 6,6 litros que gera 200 cavalos, levando o carro a 215 km/h e fazendo o 0 a 100 km/h em 9,3 segundos. No começo deste ano, o carro do filme foi leiloado por US$ 550 mil e, quase ao mesmo tempo, uma empresa americana recriou o Pontiac Trans Am  numa limitadíssima edição de 77 unidades, usando o Camaro  2016 como base, com um discreto motor de 840 cavalos!!! A matéria desse carro esta  aqui

Abaixo esta o video da clássica perseguição que termina com o carro voando: 

7) 1981 DELOREAN DMC-12 - De Volta Para O Futuro

Carros do Cinema
Divulgação
Carros do Cinema

Se o visual de um carro já enganou muita gente, o DeLorean leva o primeiro lugar. Suas linhas absolutamente lindas e futurísticas gritavam: “Eu sou melhor que uma Ferrari ”. Hahahahahahahaha!!! Em baixo do seu capô havia um ridículo V6 de 2,9 litros que produzia 130 cavalos... O carro tinha muito em comum como o filme: os dois eram uma ficção científica, uma mentira que era gostosa de curtir por no máximo duas horas. No filme o DeLorean andava tão rápido que podia viajar no tempo. Na realidade o carro decepcionou tanto que a fabrica durou apenas três anos, de 1981 a 1983. Mas a magia da imagem do carro ficou. Existe um robusto mercado que precifica um DeLorean em ótimas condições por até US$ 100 mil. Há rumores que em 2017 ele voltará a ser produzido.

Veja a cena completa do DeLorean viajando para o futuro: 

8) 2007 THE TUMBLER - Batman Begins

Carros do Cinema
Divulgação
Carros do Cinema

Acho que esse é um sonho que todo moleque já teve: sair por aí dirigindo o carro do Batman. Quando assisti esse filme e vi esse carro morcego, aquela vontade voltou. E forte. Esse Batmóvel  é muito louco, emana maldade, tem um ar militar/indestrutível que é sensacional. E para melhorar, o carro existe de verdade e é legalizado para se dirigir na rua!!! Em 2008, numa apresentação em Londres, o Tumbler foi multado por estacionamento proibido... O Tumbler tem um motor GM V-8 de 5 litros que gera 500 cavalos e leva o carro a 257 km/h, fazendo de 0 a 100 km/h 5,6 segundos. Mas o que interessa mesmo são alguns dos itens opcionais: metralhadora dupla frontal, lamçador de foguetes, modo invisível, minas explosivas e blindagem (nível infinito...). O Batmóvel original de 1966 foi leiloado US$ 4,6 milhões  em 2013.

Veja essas cenas de ação, perseguição, destruição e explosões com o Tumbler:  


Matérias relacionadas:

1) GTA - Grand Theft Auto: Comparamos os carros do game com os reais. Irado...

2) Vende-se Chevrolet 1989 com motor Ford, com 22.000km. Preço US$ 1,1 milhão

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.