Tamanho do texto

Sedã deve ser apresentado nos próximos meses, para chegar às lojas até setembro

Nissan Sentra reestilizado no vídeo promocional da Nissan para os Jogos Olímpicos Rio 2016.
Reprodução/Nissan
Nissan Sentra reestilizado no vídeo promocional da Nissan para os Jogos Olímpicos Rio 2016.

É um ano cheio de novidades para a Nissan , todas para acontecer nos próximos meses. Teremos March e Versa com câmbio CVT , a chegada do utilitário compacto Kicks  e o facelift do Sentra . O sedã médio renovado já deu as caras no vídeo promocional da marca para os Jogos Olímpicos 2016 , confirmando que está próximo de chegar ao Brasil. A apresentação deve acontecer em breve, para que o modelo possa chegar às lojas até setembro, mesma época dos rivais Chevrolet Cruze e Honda Civic .

Nissan Sentra
Reprodução/Nissan
Nissan Sentra

Lançada em 2013, a sétima geração do Sentra recebe uma reestilização mais cedo do que o normal, para deixá-lo alinhado com a nova identidade visual da Nissan , antecipada pelo Kicks e que já estrou nos sedãs Maxima e Altima . O novo estilo adiciona uma barra cromada em V na grade dianteira, cercando a área onde fica o logo da marca. Os faróis acompanham, com um desenho mais angular. Na parte de trás, temos novo para-choque e desenho interno para as lanternas.

Nissan Sentra
Reprodução/Nissan
Nissan Sentra

Por dentro, há o novo volante multifuncional, com o centro menor e mais arredondado. O cluster tem novo desenho, com computador de bordo no meio, entre o conta-giros e velocímetro (difícil não traçar um paralelo com o desenho da Volkswagen  e Audi ). O ar-condicionado agora é digital de duas zonas.

Nissan Sentra reestilizado no vídeo promocional da Nissan para os Jogos Olímpicos Rio 2016.
Reprodução/Nissan
Nissan Sentra reestilizado no vídeo promocional da Nissan para os Jogos Olímpicos Rio 2016.

Na parte mecânica, o motor 2.0 16V flex, de 140 cv e kgfm de torque, deve seguir sem mudanças. Esse motor deve aparecer futuramente no Kicks , mais para o fim do ano, quando o utilitário começar a ser produzido por aqui – no primeiro momento, virá apenas com o 1.6 de 114 cv.

Virá mais equipado, seguindo a tendência do segmento. De série, terá controle de tração e estabilidade, e controle ativo de direção (que aciona o freio da roda dianteira que estiver dentro da curva para aumentar a estabilidade). As versões mais caras trazem piloto automático adaptativo, sistema de frenagem de emergência, alerta de ponto cego, alerta de tráfego traseiro e a central multimídia NissanConnect com tela de 5,8 polegadas.