Sedã chega às lojas no início do segundo semestre, um pouco antes da nova geração do Honda Civic

Nova geração do Chevrolet Cruze começa a ser enviada da Argentina ao Brasil
Divulgação
Nova geração do Chevrolet Cruze começa a ser enviada da Argentina ao Brasil

A GM  da Argentina anuncia que as primeiras unidades do novo Chevrolet Cruze começam a ser enviadas ao Brasil, onde o carro começa a ser vendido a partir do segundo semestre, mais provavelmente em julho. Em seguinda, ainda conforme a fabricante, o sedã passará a ser exportado para países como Uruguai e Paraguai.

O Cruze que será vendido no Brasil terá algumas diferenças em relação ao disponível no mercado argentino. Uma delas ficará por conta do motor flex. No país vizinho, o 1.4 turbo, de quatro cilindros, funciona apenas com gasolina e gera 153 cv e 24,5 kgfm de toque a partir de 2.000 rpm.

Por aqui, ainda será preciso esperar até a semana que vem, quando o carro será mostrado à imprensa, para saber qual será o rendimento do novo motor. Entre outros detalhes, já é certo que o 1.4 turbo flex será a única opção de motor, aposentando o 1.8 aspirado e, para os argentinos, o 2.0 turbodiesel.

E os preços? A  GM  ainda não confirma, embora tenha dado a entender que seguirão a estratégia da  S10 renovada, mantendo os preços atuais para ficar mais competitivo. Já a versão hatchback está confirmada, mas fica só para 2017.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.