Aprenda como deixar seu carro parado e evitar surpresas e problemas quando for religá-lo depois de meses sem uso

Deixar o carro parado na garagem requer alguns cuidados para evitar problemas mecânicos e danos causados pela sujeira.
Divulgação/Mercedes-Benz
Deixar o carro parado na garagem requer alguns cuidados para evitar problemas mecânicos e danos causados pela sujeira.

Deixar um carro parado na garagem pode ser inevitável. No entanto, não é só estacionar e esquecer. Há um procedimento correto. É necessário preparar o carro para esse período e tomar alguns cuidados no dia que for usá-lo novamente, para evitar qualquer defeito causado pelo tempo sem se mover. Aprenda o que deve ser feito para manter seu veículo em forma.

Esvazie o tanque

Não deixe combustível no tanque do carro parado, pois ele vai começar a gerar uma gosma que pode entupir os bicos injetores.
Divulgação
Não deixe combustível no tanque do carro parado, pois ele vai começar a gerar uma gosma que pode entupir os bicos injetores.

Um dos erros mais comuns na hora de deixar um carro parado na garagem é esquecer de tirar o combustível do tanque . Se a gasolina fica inativa por muito tempo, ela começa a formar um tipo de gosma que obstrui os filtros, entupindo os injetores e, no caso dos mais antigos, os carburadores. O mesmo acontece com o etanol, embora leve mais tempo. Se ainda assim quiser deixar algum combustível no tanque, coloque gasolina aditivada, pois tem maior durabilidade. Se seu carro ainda tem o tanquinho de partida a frio, não esqueça de esvaziá-lo também.

Troque o óleo

Troque o óleo antes de deixar o carro parado na garagem, de preferência por um óleo sem aditivos.
Divulgação
Troque o óleo antes de deixar o carro parado na garagem, de preferência por um óleo sem aditivos.

Quando o óleo fica parado por muito tempo em um carro, ele começa a coalhar, perdendo suas características de lubrificação. Antes de colocar o veículo na garagem, leve-o para trocar o óleo do motor , do fluído de freio e o filtro. Verifique que a tampa do reservatório está bem fechada, para não entrar umidade.

Se pretende parar o carro por muito tempo, como um ano ou dois, procure um óleo sem aditivo. Quando for religar o veículo, troque o óleo novamente caso tenha ficado parado por mais de 3 meses e dirija devagar, da mesma forma que faria com um carro no frio , para dar tempo para o óleo circular novamente por todo o sistema.

Encha os pneus

Se o carro for ficar parado por até 90 dias, encha os pneus de acordo com o máximo dito no manual. Se o período parado for maior, coloque sobre um cavalete.
Divulgação
Se o carro for ficar parado por até 90 dias, encha os pneus de acordo com o máximo dito no manual. Se o período parado for maior, coloque sobre um cavalete.

O peso do carro vai pressionando os pneus a todo momento, até com ele parado. Mesmo sem rodar, eles vão esvaziando lentamente. Se for ficar até 90 dias parado, consulte o manual e coloque a pressão máxima recomendada , é o suficiente para manter os pneus em um limite seguro. Acima disso, o peso pode começar a achatar os pneus até deformá-los. Por isso, se o período parado for acima de 90 dias, coloque o carro sobre um cavalete .

Desconecte a bateria

Mesmo quando está parado, o carro continua a consumir a carga da bateria com alguns equipamentos.
Divulgação
Mesmo quando está parado, o carro continua a consumir a carga da bateria com alguns equipamentos.

Mesmo quando desligamos o carro, a carga da bateria continua a ser consumida por algum equipamento elétrico dentro do veículo, como o alarme, o rastreador ou alguma luz. Por isso, desconecte a bateria , para evitar que continue a fornecer carga nesse período.

Lave e encere o carro

Limpe bem o carro antes de deixá-lo parado. Migalhas de comida no interior pode atrair animais, enquanto a poeira pode arranhar a pintura quando colocar a capa protetora.
Divulgação
Limpe bem o carro antes de deixá-lo parado. Migalhas de comida no interior pode atrair animais, enquanto a poeira pode arranhar a pintura quando colocar a capa protetora.

Dê aquele belo banho , sem deixar nenhuma parte de fora. Isso elimina os riscos de que algum resto de comida tenha ficado dentro do carro, pois mesmo migalhas podem atrair animais. Seque muito bem o veículo, principalmente por dentro, para que a umidade não forneça espaço para o mofo. Retire os carpetes e guarde em um lugar seco e arejado.

Não esqueça dos limpadores

A borracha do limpador do para-brisa pode grudar no vidro se esquecer de retirá-lo antes de deixar seu carro parado.
Divulgação
A borracha do limpador do para-brisa pode grudar no vidro se esquecer de retirá-lo antes de deixar seu carro parado.

Outro erro bem comum é esquecer os limpadores do para-brisa. A borracha, quando parada por muito tempo, começa a derreter levemente e grudar (da mesma forma que o elástico em volta de documentos por muito tempo). Retire os limpadores e guarde em um local quente. Caso esteja em um lugar seguro, pode apenas deixa-los afastados do vidro . Se não tiver outro jeito, enrole-os com um pedaço de plástico filme .

Livre, leve e solto

Solte o freio de mão do carro parado, engate o câmbio na marcha ré e coloque um peso sobre o pedal da embreagem. Se for automático, deixe na posição P.
Divulgação
Solte o freio de mão do carro parado, engate o câmbio na marcha ré e coloque um peso sobre o pedal da embreagem. Se for automático, deixe na posição P.

Coloque o carro na marcha ré e, em seguida, ponha um peso sobre o pedal da embreagem para que ele fique desengatado. Isso impede que o platô e o disco colem. No caso de automáticos, deixe o câmbio na posição P . O freio de mão deve ficar solto, para evitar que a lona grude na panela do freio. Não esqueça de lubrificar os freios com um jato de WD40 ou produto equivalente.

Quando for sair com o carro, é normal que o freio tenha uma camada de ferruagem, causada pela umidade relativa. Não se preocupe, ela vai sair com o uso normal. Se a camada for muito grossa, dirija com cuidado até um local onde possa acelerar até 70 km/h e fazer uma freada brusca. Repita isso algumas vezes, é o suficiente para limpar o disco.

Feche bem o carro

Se um carro fica parado por muito tempo, animais podem se sentir seguros o suficiente para invadir e criar ninhos. Feche qualquer orifício pode onde poderiam entrar.
Divulgação
Se um carro fica parado por muito tempo, animais podem se sentir seguros o suficiente para invadir e criar ninhos. Feche qualquer orifício pode onde poderiam entrar.

Não estamos falando apenas das portas. Alguns animais podem aproveitar que o carro está parado a muito tempo e criar ninhos dentro dele., ou mesmo roer a fiação. Evite usar produtos químicos de cheiro forte para espantar animais, pois vão deixar um cheiro que  incomoda qualquer um. Coloque um pano ou estopa no escapamento e nas entradas de ar , cobrindo-os com uma tela de metal.

Use uma boa capa

Escolha uma boa capa para seu carro parado na garagem. Plástico pode arranhar a lataria, então prefira as capas de algodão.
Divulgação
Escolha uma boa capa para seu carro parado na garagem. Plástico pode arranhar a lataria, então prefira as capas de algodão.

Não importa o quão limpa é a garagem onde você vai deixar seu carro parado, sempre vai aparecer poeira. Procure uma boa capa automotiva de algodão macio . Evite plástico, pois pode arranhar a lataria com o resto de pó que sempre sobra depois de uma lavagem. Escolha uma capa do tamanho certo do seu carro, para que não fique apertada (o que aumenta a chance de riscos) e nem solta demais (para que nenhum animal entre embaixo para fazer um ninho).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.