Esportivo será tirado de linha novamente, após despedida com cinco edições especiais

O Dodge Viper não será mais fabricado. O esportivo teve seu fim anunciado pela Fiat Chrysler Automóveis , confirmando que este será seu último ano de produção. Para dar adeus, terá cinco edições especiais. É a segunda vez que o cupê sai de linha. Após o fim do modelo em 2010, ficou fora de produção até 2013, quando voltou como SRT Viper.

Das cinco edições especiais, quatro prestam homenagem a outros modelos limitados lançados ao longo dos 25 anos de produção do Viper. O quinto carro é uma edição especial chamada Dealer Edition ACR , para as concessionárias da Dodge que mais venderam o cupê durante os últimos três anos.

Uma edição é o Viper 1:28 Edition , uma homenagem ao tempo recorde de 1:28.65 marcado em Laguna Seca em 2015, com 28 unidades produzidas. O GT-SR Commemorative Edition relembra o Viper GTS-R GT2 de 1998, usando o mesmo esquema de cores azul e branca, com 100 unidades. Os outros dois modelos são o VooDoo II e Snakeskin , ambos remetem a edições especiais do Viper anterior, com 31 e 25 unidades respectivamente.

A diferença entre eles está apenas no esquema de cores. Todos possuem kit de carroceria esportivo, freios cerâmicos e o motor 8.4 V10 de 645 cv e 82,9 kgfm de torque. A Dodge diz que é o carro com motor aspirado que produz o maior torque da atualidade. Para segurar a víbora, foi equipado com controle de tração e estabilidade.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.