Primeiro lote de 207 unidades terá a versão XDrive 28i, inédita no Brasil, que parte de US$ 35.795

As primeiras 207 unidades do BMW X1 fabricado em Araquari (SC) embaracaram para os EUA.
Divulgação/BMW
As primeiras 207 unidades do BMW X1 fabricado em Araquari (SC) embaracaram para os EUA.

Se o mercado brasileiro está ruim, o jeito é exportar veículos. É exatamente o que a BMW  está fazendo, com o início do envio de unidades do utilitário X1 aos EUA, fabricadas em Araquari (SC). Os primeiros 207 carros são da versão XDrive 28i , equipada com motor 2.0, de quatro cilindros e 240 cv – configuração que não é vendida por aqui. O valor inicial será de US$ 35.795 (R$ 115.600, em conversão direta com o dólar a R$ 3,23). Vale lembrar que é vendido no Brasil a partir de R$ 166.950.

O plano de exportação do X1 aos EUA é de 10 mil unidades, quase um terço da capacidade anual de produção do complexo em Araquari (SC), de 36 mil unidades. A mesma fábrica também é responsável pela montagem do hatchback Série 1, do sedã Série 3 , do SUV X3 e do Mini Cooper Countryman. Toda a produção é em CKD, com 35% das peças exportadas da Europa, incluindo boa parte da carroceria.

“Iniciamos em abril um novo e significativo capítulo do BMW Group Brasil, que reforça nosso compromisso com o investimento no País. Hoje, daremos o primeiro passo para demonstrar que a fábrica de Araquari (SC) mantém a qualidade e eficiência exigida, estando apta a fornecer veículos a um dos mercados mais exigentes do mundo”, declarou Gleide Souza, diretora de relações governamentais do Grupo BMW no Brasil, durante a cerimônia de embarque.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.