Alguns mitos como usar hidratante de pele humana nos bancos de couro atrapalham mais do que ajudam. Veja a forma correta de cuidar dos assentos

Manter os bancos de couro limpos e em bom estado é fácil, mas não caia em armadilhas como usar hidratante de pele.
Divulgação
Manter os bancos de couro limpos e em bom estado é fácil, mas não caia em armadilhas como usar hidratante de pele.

Ter um banco de couro no carro dá aquele ar de veículo premium e valoriza o automóvel. Só que ele exige mais cuidados, principalmente para quem deixa o carro no sol com frequência ou mora em uma região muito quente. O couro deve ser hidratado para manter o brilho e não começar a ressecar, rachar e descascar. Manter os bancos de couro como se fossem novos é fácil e rápido.

A limpeza deve ser feita apenas com um pano umedecido com água, é o suficiente para a maioria dos casos, retirando a poeira. Se algo tiver caído no banco e feito uma sujeira mais persistente, use o seguinte método: pegue um pulverizador de água (pode ser aquele que você comprou para lavar o carro), coloque uma colher de chá do sabão neutro (ou detergente) e misture com 200 ml de água. Aplique sobre a sujeira e passe a parte macia de uma espoja.

LEIA MAIS: Franquias de lavagem a seco e conservação faturam mais com a crise

Se a sujeira for algo bem chato de tirar, como líquidos que ficam grudentos, vire a esponja e use a parte mais áspera, com cuidado para não estragar o couro. Em último caso (ou se não tiver problema em gastar dinheiro), compre um produto especial para limpeza de couro. Basta aplicar e esfregar com delicadeza, passando um pano limpo em seguida para retirar o resto da sujeira que o produto químico irá soltar do couro.

Não use hidratante de pele

Um velho mito no meio automotivo é de que usar hidratante de pele humana no couro funciona. Pelo contrário, ele irá estragar ainda mais por usar componentes químicos que não foram feitos para o couro do carro. Além disso, ao contrário de produtos próprios para isso, o creme para pele não ajuda a retirar as bactérias do couro, acumulando ainda mais sujeira que irá desgastar o banco. Não vai parecer no primeiro momento em que fizer isso, mas vai afetar no longo prazo.

LEIA MAIS: Aprenda a lavar o carro com apenas um copo d'água

Vale gastar um pouco mais com um bom hidratante feito para uso em couro. Lave os bancos (usando as dicas acima) e, em seguida, faça a hidratação. Por mais caro que o produto seja, não é necessário hidratar os bancos com tanta frequência. Se fizer com cuidado e lembrar de sempre limpar o couro, a hidratação pode ser feita a cada três meses, o que ajuda a pesar menos no bolso.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.