Convocação afeta 4.683 unidades da picape automática com motor a diesel. Câmbio pode mudar sozinho para a primeira marcha

Ford Ranger
Divulgação
Ford Ranger

A Ford anuncia o recall de 4.683 unidades da picape Ranger com motor 3.2, movido a diesel e câmbio automático. Os exemplares afetados, todos ano-modelo 2013, podem apresentar um defeito na caixa automática, que pode ocasionar uma redução involuntária para a primeira marcha com o veículo em movimento.

De acordo com a fabricante, existe a possibilidade que surja uma falha de comunicação entre o sensor de velocidade da transmissão e o módulo de controle do motor do veículo. Esse defeito pode resultar em uma redução involuntária para a primeira marcha. Se a Ford Ranger estiver em movimento, isso pode causar diminuição repentina de velocidade, acompanhado de travamento das rodas, com o risco de perda de controle do veículo.

LEIA MAIS: Ford Ranger flex aposta em pacote completo para voltar à liderança

Os proprietários da Ford Ranger fabricadas entre 2 de fevereiro de 2012 e 9 de março de 2013 , equipadas com motor 3.2 diesel e câmbio automático e com código de chassis não sequenciais de DJ024672 até DJ484214 , devem entrar em contato com uma concessionária. O reparo deve ser agendado, quando será feita a reprogramação gratuita do software, serviço que leva cerca de 20 minutos para ser realizado.

Para mais informações, entre em contato com a Ford  por meio do site da marca ou pelo telefone 0800 703 3673.

LEIA MAIS: Andamos na Ford Ranger com motor a diesel

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.