Fabricante também confirma que o carro começa a chegar às lojas a partir do mês que vem. Mudanças também estão no visual e na parte estrutural

Primeira imagem oficial do novo Fiat Uno 2017, equipado com um dos novos motores da família GSE
Divulgação
Primeira imagem oficial do novo Fiat Uno 2017, equipado com um dos novos motores da família GSE

A Fiat revela que a linha 2017 do Uno, que receberá uma série de novidades, chegará às lojas no Brasil a partir do mês que vem. Entre as mudanças, a marca destaca os novos motores da família GSE (Global Small Engine): 1.0, de três cilindros, e 1.3, de quatro.

 Além disso, a fabricante divulgou a imagem que aparece acima. Trata-se da versão Sporting do novo Fiat Uno , com nova grade dianteira com formato do tipo colméia, sem as três aberturas que foram adotadas até a linha 2016. Os para-choques também estão um pouco diferentes, com uma barra entre os faróis auxiliares de neblina. No caso da versão escolhida para divulgação da linha 2017, as rodas também são novas. 

LEIA MAIS: Fiat Mobi Way é a melhor versão, mais ainda se parece com um Uno

São apenas novos detalhes no desenho. A principal novidade fica mesmo por conta dos novos motores GSE. No caso do 1.0, de três cilindros, haverá  bloco e cabeçote de alumínio, apenas duas válvulas por cilindro e comando de válvulas acionado por corrente no lugar da correia, que não exige troca, ao contrário da correia dentada do Fire Evo.  Deverá render em torno de 80 cv quando houver apenas etanol no tanque, ante os 75 cv do Fire Evo. Começa a ser usado no Uno, mas, no ano que vem, chega ao pequeno Mobi, que continua a ser vendido com o já antiquado motor Fire Evo 1.0, até o início do ano que vem.

Mais detalhes do Uno 2017

Além do novo motor, o Uno 2017 deverá ter outras mudanças importantes, que a Fiat ainda não divulgou. Entre as principais, deverá estar a direção elétrica, que ajuda a economizar combustível e facilita nas manobras de estacionamento dar mais assistência  que a hidráulica, que funciona com correia e bomba de óleo.

LEIA MAIS: Fiat Palio 2017 chega às lojas com preços a partir de R$ 42.410

O carro também poderá receber , pelo menos como opcional, controles eletrônico de estabilidade (ESP) e tracão (ASR), além de assistente de partida em rampa (HLA), três itens que tem feito parte de um pacote eletrônico que tende a ser tornar mais comum daqui para frente porque, na Argentina, o ESP será obrigatório a partir de 2018 e, no Brasil, em 2022 em todos os modelos zero km vendidos no mercado brasileiro. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.