Modelo com apelo aventureiro é fabricado no Brasil e logo deverá receber as novidades que estão sendo adotadas em outros mercados

Mercedes-Benz GLA que estará no Salão de Detroit terá uma série de novos detalhes para ganhar apelo  diante dos rivais
Divulgação
Mercedes-Benz GLA que estará no Salão de Detroit terá uma série de novos detalhes para ganhar apelo diante dos rivais

A Mercedes-Benz decide adiantar uma imagem oficial que mostra como ficará a frente da versão renovada do modelo com apelo aventureiro GLA. O carro será uma das novidades que serão apresentadas no Salão de Detroit (EUA), entre os dias 8 e 22 de janeiro. Mas as mudanças que podem ser notadas pelo foto acima são poucas.

LEIA MAIS:  Mercedes-Benz GLA começa a ser fabricado no Brasil

Apenas o para-choque recebeu novos detalhes no desenho, o que também deve acontecer na parte traseira. Além disso, a grade frontal passa a adotar um novo estilo, de aspecto mais descolado e jovial, com várias e pequenas entradas de ar de formato oval no lugar das tradicionais barras horizontais dos SUVs mais recentes da Mercedes, como a dupla GLC e GLE. Entram na lista de alterações os faróis e lanternas, que também deverão ter discretas mudanças.

A lista de novidades também incluem alguns detalhes no interior, como um novo sistema multimídia, com tela de 8 polegadas, que passa a ser compatível com Apple CarPlay e MirrorLink, para espelhar a tela de aparelhos celulares. Seguindo o mesmo padrão de mudanças que foram aplicadas na linha 2017 do sedã CLA, o GLA também deverá ganhar abertura do porta-malas passando o pé sob o para-choque, o que é útil quando as mãos estão ocupadas carregando bagagem.

LEIA MAIS:  Eis a lista dos 5 carros mais caros fabricados no Brasil

Mais detalhes sobre o GLA renovado

Se o desenho do GLA terá mudanças, tanto por fora quanto por dentro, o mesmo não deverá acontecer no conjunto mecânico, que continuará o mesmo. Assim, as opções de motor vão do 1.6  ao 2.0 turbo da versão esportiva AMG, que contará com 381 cv e nada menos que 48,4 kgfm de torque, funcionando com câmbio de dupla embreagem e tração integral.

LEIA MAIS: Mercedes testa versão de produção da picape Classe X

Junto com o sedã da Classe C, o GLA é fabricado em Iracemápolis (SP) e logo a versão nacional deverá receber as mudanças que passam a ser adotadas em outros mercados. Como é o modelo da Mercedes mais vendido do Brasil, isso deverá manter o apelo de vendas do carro que tem entre os principais rivais o BMW X1 e Volvo V40 Cross Country. Se a Audi resolver começar a vender o Q2 no Brasil, terá outro concorrente.  

Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.