Compacto sul-coreano ganha trajes esportivos em nova versão. Saiba quais são os próximos lançamentos da Kia no Brasil

Kia Picanto GT Line: apesar do visual mais esportivo, vem com motor 1.0, de três cilindros, com apenas 80 cavalos
Divulgação
Kia Picanto GT Line: apesar do visual mais esportivo, vem com motor 1.0, de três cilindros, com apenas 80 cavalos

O Kia Picanto ganha a nova versão topo de linha GT Line por R$ 58.990. O modelo surge com pacote estético esportivo e  já pode ser encontrado nas concessionárias do grupo, sempre com motor 1.0 flex, de 80 cv e 10,2 kgfm de torque, com etanol. Na gasolina, os números vão para 77 cv e 9,6 kgfm. 

LEIA MAIS: Em testes no Brasil, Hyundai Santa Fe é revelado antes da estreia

Junto com o motor tricilíndrico, a marca optou por equipar o novo Kia Picanto GT-Line com câmbio automático de quatro marchas - a mesma do modelo antigo. O interior tem central multimídia,chave presencial, volante multifuncional e bancos de couro. Na Europa, o Picanto GT Line vem um pouco mais incrementado, com motor 1.0 turbo, de 100 cv e  caixa automática CVT. O carro completa uma década do Brasil, com vendas bem tímidas em seu segmento. A Kia, entretanto, segue com planos ousados para o País.

De acordo com o que apurou a reportagem de iG Carros, ainda no primeiro semestre, teremos as novas versões 4x4 do SUV médio Sportage, e do Sorento. Na segunda metade do ano, espere pelo compacto Rio e o esportivo Stinger. O primeiro já está sendo vendido na Argentina por aproximadamente R$ 61 mil em uma conversão simples. O Kia Rio vai entrar na briga dos hatches compactos mais caprichados, segmento que tem crescido rapidamente no Brasil com a chegada do Volkswagen Polo, Fiat Argo, Ford Fiesta e Toyota Yaris.

LEIA MAIS: Esportivos que serão vendidos no Brasil ainda em 2018

Rio e Stinger

Irmão do Hyundai HB20, o Kia Rio será fabricado no México. No Brasil, o hatchback chega às lojas no primeiro semestre
Divulgação/Kia
Irmão do Hyundai HB20, o Kia Rio será fabricado no México. No Brasil, o hatchback chega às lojas no primeiro semestre

O Kia Rio terá como aliada a lista de equipamentos de série que deverá incluir controles de estabilidade (ESP) e tração, central multimídia compatível com Apple Car Play e Android Auto e câmbio automático, de seis marchas, acoplado ao motor 1.6, que rende 123 cv com gasolina. O mesmo conjunto mecânico do sedã Cerato.

Kia Stinger: com desenho arrojado e apelo esportivo, modelo terá, inclusive, versão V6 de 370 cv no Brasil
Divulgação
Kia Stinger: com desenho arrojado e apelo esportivo, modelo terá, inclusive, versão V6 de 370 cv no Brasil

Por outro lado, o esportivo Stinger revela o lado mais indomável da Kia para 2018. Este estilo sofisticado do Stinger saiu dos rascunhos de duas lendas do mundo automotivo: Peter Schreyer (ex-Audi), o chefão do departamento de design, e Albert Biermann, que trabalhou na BMW Motorsport.

LEIA MAIS: Para onde foram os esportivos abaixo de R$ 100 mil?

O Stinger foi atração da marca para o Salão de Detroit (EUA) no ano passado, e foi apresentado com duas opções de motorização. A versão 2.0, turbo, de 258 cv e 36 kgfm de torque entre 1.400 e 4.000 rpm, bem como 3.3 V6, de 370 cv e 52 kgfm. Ambas estão confirmadas para o Brasil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.