SUV ganha desenho arrojado, nova estrutura, mais equipamentos e versão V6 a gasolina

Toyota SW4
Divulgação
Toyota SW4


A Toyota  lança a nova geração do utilitário esportivo SW4 em três versões no Brasil: SRX 2.8 turbodiesel , de cinco lugares (R$ 220 mil), SRX 2.8 turbodiesel , de sete lugares (R$ 225 mil) e, conforme antecipado em primeira mão pela reportagem do iG Carros, também na configuração SRX com motor V6 a gasolina (R$ 205 mil), que será vendida apenas com sete assentos. De acordo com a fabricante, 75 % das vendas deverão se concentrar na versão a diesel para sete pessoas, 20% com o mesmo motor, mas com cinco lugares e os 5% restantes na V6.

Logo de cara já é possível notar que o carro mudou bastante. O desenho ficou bem mais arrojado, com faróis mais finos e com luz durna de LED, para-choques envolventes e que transmitem ideia de robustez, linha de cintura mais alta, tampa do porta-malas elétrica e que pode ser aberta por controle remoto e novas rodas de aro 18 entre os itens que mais chamam atenção.

Na comparação com a geração anterior, a nova SW4 ficou em torno de 150 kg mais pesada, mas teve a rigidez torcional melhorada, suspensão reforçada, freios dianteiros maiores e traseiros a disco ventilado, entre outros componentes. Na parte de segurança, o carro agora vem com sete air bags, ancoragem para cadeiras infantis (ISOFIX), assistência eletrônica para subidas e descidas, controles de tração e estabilidade, além do que evita derrapagens indesejáveis do reboque que estiver sendo puxado pelo SUV.

Toyota SW4
Divulgação
Toyota SW4

O interior também foi completamente renovado, seguindo o estilo da nova picape Hilux. Conta com sistema multimídia com tela sensível ao toque de sete polegadas, que inclui navegador por satélite (GPS), TV digital, DVD, MP3, Bluetooth® e seis alto-falantes. Há também o mostrador colorido de 4.2”, que dá informações sobre consumo de combustível, velocidade máxima, autonomia de condução, áudio, navegação, temperatura exterior, além da avaliação do modo de condução.

Ainda entre os principais destaques da parte interna a opção do revestimento de couro marrom e o maior espaço para as pernas dos ocupantes (16 mm) na segunda fileira e 45 mm na terceira, no caso das versões de sete lugares. Além disso, existem novas saídas do ar-condicionado para todos os bancos do carro e regulagem de intensidade do fluxo de ar para quem for sentado atrás.

Toyota SW4
Divulgação
Toyota SW4


O motor 2.8 turbodiesel rende 177 cv que faz uma média de 9 km/l na cidade e 10,5 km/l na estrada, conforme dados da Toyota . No caso do V6 a gasolina, de 238 cv, o consumo passa para 6 km/l e 9 km/l, respectivamente. Conforme a fabricante, no segundo semestre, a SW4 vai ganhar a versão 2.7 flex com alguns aperfeiçoamentos. Em todas as versões, a tração é integral e o câmbio automático de seis marchas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.