Versões apenas a gasolina estarão no Salão do Automóvel. O Turbo e o 4S começam a ser vendidos no Brasil a partir do início de 2017

A Porsche mostra a nova geração do Panamera híbrido, que será uma das novidades do Salão de Paris (França), entre os dias 1 e 16 de outubro. De acordo com a fabricante, o carro é capaz de atingir um consumo médio equivalente a 40 km/l, com emissão de gás carbônico de apenas 56 g/km. Além disso, a marca alemã diz que é possível rodar 50 quilômetros, apenas no modo elétrico, atingindo até 140 km/h.

Os números do novo Porsche híbrido continuam impressionando na aceleração de 0 a 100 km/h em 4,6 segundos e na velocidade maxima, de 278 km/h, ainda conforme a Porsche. O bom desempenho do carro é ajudado pelo novo conjunto mecânico, que inclui motor V6 2.9, de 330 cv e 45,9 kgfm de torque, que funciona com câmbio de dupla embreagem e, pela primeira vez, oito marchas ao invés de seis, com conversor de torque.  Há também um motor elétrico, de 136 cv.

LEIA MAIS:  Aceleramos o enorme cupê de quatro portas, que custa R$ 507 mil

Na comparação com a geração anterior, os engenheiros da Porsche conseguiram aumentar a quantidade de energia armazenada das baterias, que passaram de 9,4 kWh para 14,1 kWh. E isso sem deixá-las mais pesadas. Além disso, o tempo de recarga foi reduzido para 5.8 horas, podendo ser acelerado para 3,6 horas com o uso de um carregador vendido à parte, de 230 Volts e 32 amperes.

Na lista dos itens de série do novo Panamera Hybrid destaca-se o pacote Sport Chrono, comandado por botões no volante. É possível selecionar seis modos de condução diferentes. Além dos tradicionais Sport e Sport Plus há outros quatro voltados apenas para quando o carro está funcionando apenas com o motor elétrico.

LEIA MAIS: Porsche 718 Boxster é pura diversão ao volante

São eles: E-Power, usado programado para desligar toda vez que o acelerador for pressionado a fundo; Hybrid Auto , combina o uso do motor elétrico e o movido a combustão para o máximo de eficiência; E-Hold , prioriza a manutenção do nível de carga da bateria; E-Charge, quando o V6 passa a carregar as baterias o tempo todo.

Quando chega às lojas, no Brasil e no mundo

Entre os recursos disponíveis também se destaca o monotoramento de todo do sistema, informando sobre o nível de carga das baterias, o fluxo de energia, entre outras informações, que podem ser acessadas, inclusive, pelo celular, por meio de aplicativo.

O novo Panamera 4 E-Hybrid será uma das atrações do Salão de Paris (França) e já começa a ser vendido na Europa, por algo em torno de 100 mil euros, o que equivale a cerca de R$ 370 mil, sem a inclusão de impostos e taxas. No mercado norte-americano, o carro passará a estar disponível entre o fim do ano e o início de 2017.

Consultada, a assessoria de imprensa da Porsche do Brasil informou à reportagem do iG Carros que vai começar a vender as versões Turbo e 4S do novo Panamera no País a partir do início do ano que vem e que tem planos de também fazer o 4 E-Hybrid , mas ainda não há uma dada definida. Sabe-se apenas que será ao longo de 2017.  Confira abaixo o video oficial do novo modelo, bem como a galeria de imagens acima. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.