Audi Q3: o alemão para a mãe brasileira

Andamos no novo SUV da Audi que terá preço alto, mas muita tecnologia e versatilidade para as mamães

Ícaro Bedani | 1/2/2012 13:04

Audi Q3 2012 Ambition 2.0 16V gasolina 4p DSG integral

Dados técnicos
Preço
R$ 150.000
Capacidade
5 passageiros
Velocidade máxima
230 km/h
0 a 100 km/h
6,9 s
Consumo urbano
9,8 km/l
Potência
203 cv
Torque
28,6 kgfm
Porta-malas
460 litros
Veja ficha técnica completa

A Audi prometeu e está cumprindo. O novo Q3, um dos 20 carros esperados para 2012, chega às lojas em fevereiro para bater de frente com Range Rover Evoque e BMW X1. Ainda sem preço definido pela marca, estima-se que o valor do SUV compacto deverá ficar em torno de R$ 150.000. A Audi por sua vez, informou que o Q3 de entrada ficará abaixo do Evoque (que parte de R$ 164.900).

Com um valor estimado bastante salgadinho, a marca das quatro argolas não teme a alta do IPI nem a flutuação do dólar e tenta balancear o alto preço do Q3 com diversos itens de série e muita tecnologia embarcada.

Veja mais: Rival do BMW X1, Audi Q3 chega ao Brasil

Mesmo sem estar disponível para pronta entrega nas concessionárias Audi, o jipinho já pode ser encomendado. Ele contará com duas opções de motor, ambas derivadas do eficiente bloco 2.0 TFSI com injeção direta de combustível e turbocompressor, utilizado também no irmão maior Q5. O Q3 “mais barato” desenvolve 170 cavalos de potência e 28,5 kgfm de torque. Segundo a marca, a velocidade máxima é de 212 km/h e o consumo combinado chega a 12,9 km/l.

Enquanto isso, quem optar pelo modelo mais sofisticado terá em mãos todos os 211 cv e 30,5 kgfm de torque do motor turbo. O câmbio automático S tronic de 7 marchas e dupla embreagem vem de série em todas as versões, assim como a tração integral quattro. Essa "duplinha" em conjunto com o propulsor faz o Q3 acelerar do 0 os 100 km/h em 7,8 segundos, na versão de entrada, e 6,9 s, no modelo topo de linha.

Veja mais: Audi Q3 ganha pintura de ouro de Detroit

Além da falta de preço, a Audi também não definiu quais acessórios acompanharão o Q3 no Brasil. Sabemos que ele terá o sistema Audi Drive Select, que oferece quatro opções de direção: Confort, Auto, Dynamic e Efficiency. A própria marca afirma que esta opção serve para que o SUV se comporte de forma semelhante a suas maiores concorrentes, já que uma diz que tem os carros mais confortáveis e a outra o mais esportivos – ok, ninguém imagina que eles se referiram a Mercedes-Benz e a BMW.

E atrás do volante, vale a pena?

Para apresentar o Q3, a Audi nos levou para um pequeno passeio até a Riviera de São Lourenço, em Bertioga, no litoral norte de São Paulo, a bordo do modelo top Ambition com o motor de 211 cv.

Há quem diga que “o carro é caro, mas vale a pena”. Bom, pode ser que sim em alguns casos, mas um SUV que tem espaço para cinco pessoas, mas leva quatro, não é muito inteligente, principalmente por R$ 150.000. É aquele tipo de veículo que vai agradar as mães ao levar os filhos para a escola nos bancos com sistema Isofix para cadeirinhas.

Para quem não está preocupado com o espaço, mas quer um carro mais robusto e com ar menos “tiozão”, o Q3 poderá satisfazer suas expectativas. Devido às formas compactas (4,38 m de comprimento, 1,83 m de largura, 1,5 m de altura e 2,6 m de entre-eixos), a versatilidade na cidade vira um atrativo. Principalmente com o sistema de assistência ao estacionamento em balizas e vagas de 90°.

Teto-solar, sistema de navegação, lane assist (assistente de reconhecimento de faixas), side assist (auxilia na mudança de faixa) e o sistema de som Bose com 14 alto falantes, também eram itens presentes na versão testada, porém, como foi dito anteriormente, a Audi não confirmou se toda essa tecnologia estará disponível na versão final.

O motor 2.0 TFSI dispensa comentários, principalmente na companhia do câmbio S tronic. As trocas precisas e bastante rápidas vindas do sistema de dupla embreagem não deixam nada a desejar. Com a opção Dynamic acionada, o Q3 responde ainda mais rápido: uma ótima pedida para aquela esticada na estrada. O modo Confort é bem menos arrojado e a mudança na modulação da suspensão é facilmente notada.

O Q3 é uma boa opção para quem não tem medo de gastar dinheiro com um híbrido entre um SUV e um sedã médio. A Audi disse que a plataforma do carro é única, uma engenharia inédita na fábrica de Martorell, na Espanha. Único ou não, não seria nada mal a Audi pensar bem nos preços deste utilitário.

Leia tudo sobre: AudiQ3Range RoverEvoqueBMWX1S tronicQ7Q5Boseside assistlane assist

PESQUISE CARROS