Chevrolet Camaro 2014 ganha novo visual

Esportivo mais famoso da GM resgatou versão Z/28, a mais famosa do modelo original

Ricardo Meier | 27/3/2013 16:32

Foto: Divulgação Veja galeria em tamanho maior

Chevrolet Camaro 2014

A 5ª geração do Camaro levou três anos para chegar ao mercado, mas a primeira reestilização veio logo – apenas quatro anos depois do lançamento no Salão de Nova York, que começou nesta quarta-feira. E não por necessidade de mercado, afinal o esportivo continua a ser um dos carros mais vendidos e comentados da fabricante norte-americana.

Mas a mudança é bem-vinda. Os designers da GM refinaram seu já bem resolvido projeto com nova frente e traseira que tornaram o Camaro “mais largo e baixo” apenas na percepção já que as medidas são as mesmas.

O truque foi tornar a grade frontal e os faróis mais estreitos, destacar os para-choques e alargar as lanternas. O resultado ficou muito bom: o Camaro ganhou músculos e não perdeu a identidade.

De volta de 1967

Para marcar a mudança, a GM decidiu ressuscitar a versão Z/28, a das fotos com o carro branco. Ela foi criada em 1967 para que o Camaro corresse na classe Trans Am 2 do Sports Cars Club of America, uma competição famosa na época.

A diferença é que o novo Z/28 nasceu apenas para as ruas e será uma versão intermediária entre o Camaro SS 1LE e o ZL1, o mais potente da gama. Para isso ele usa um motor V8 com 7 litros e potência “acima de 500 cv e com mais de 64 kgfm de torque”, diz o comunicado da empresa.

Não é só. A montadora americana dedicou especial atenção a esse Camaro para torná-lo mais eficiente. O chassi, por exemplo, foi recalibrado para permitir que ele faça curvas mais grudado no chão. Os freios, da famosa marca Brembo, também são melhores para tornar a frenagem mais uniforme. Para completar, o Z/28 pesa 136 kg a menos que o ZL1, o que ajuda a melhorar sua performance.

Até mesmo uma espetadinha na concorrência a GM se permitiu. Al Oppenheiser, chefe de projeto do novo Camaro explicou porque a marca decidiu manter os 4 lugares no Z/28: “ao contrário do Ford Mustang Boss 302, nós achamos importante manter a configuração 2+2 no Z/28 afinal a Chevrolet já tem um esportivo de dois lugares de fama mundial, o Corvette”.

Pena que o novo Camaro demore a aparecer por aqui. É o que se deduz já que os clientes norte-americanos vão poder comprá-lo apenas no final de 2013. Com isso, a GM brasileira só deve importá-lo em meados de 2014. Mas já é uma esperança.

Leia tudo sobre: ChevroletCamaro2014esportivoZ/28Salão de Nova York