Conheça o VW up!, que chega em 2014

Fabricante volta a aposta na fórmula do carro de baixo custo para se tornar a maior do mundo

Thiago Vinholes | 11/10/2011 14:50:00

Foto: divulgação Veja galeria em tamanho maior

Volkswagen up!

O sucesso do Fusca, que foi produzido durante mais de 50 anos, foi baseado em três pilares: era um automóvel barato, foi produzido em massa nos quatro cantos do mundo e sempre manteve um enorme apelo popular – por isso o nome da marca ser Volkswagen, “carro do povo” em alemão. Na geração seguinte, o “besouro”, então chamado “New Beetle”, porém, partiu para outro caminho, se tornando um carro para um público mais abastado.
 
Acontece que a Volks tem metas a cumprir para atingir o objetivo principal de seu plano para 2018, que é alcançar a liderança do mercado global de automóveis com um volume anual de 10 milhões de unidades. Para conseguir isso a marca voltou seus olhos ao passado e trouxe de volta os princípios do Fusca, mas adaptados a realidade contemporânea. O resultado é o up!.

E você não leu errado. O nome do carro é assim mesmo, up!. Tudo em letras minúsculas e com ponto de exclamação no final. É com uma boa ajuda deste carro que a VW quer alcançar o topo do mercado. A estreia comercial do modelo está marcada para janeiro de 2012, mas a principio somente na Europa, onde custará por volta de € 9.000 (cerca de R$ 21.500), no pacote básico e com apenas duas portas – o quatro portas ainda não foi apresentado.

 

Volkswagen up!
Divulgação

A tampa do porta-malas do up! pode vir pintada em outra cor, constrastando com a carroceria

A Volkswagen do Brasil ainda esconde o jogo sobre a chegada do up!, que deve ser lançado no país já com produção nacional até 2014 e custando menos de R$ 28.000, faixa onde brigam atualmente Fiat Uno, Chevrolet Celta e o VW Gol G4. Este último, por sua vez, deverá enfim ser aposentado com a chegada do novo compacto “do povo”.
 
Conhecendo o up!
 
O up! é daqueles carros com visual simpático, como é por exemplo o novo Uno e o Kia Picanto. Entretanto, o modelo da VW tem uma postura mais, digamos, alemã. Nada de formas exageradas ou faróis ocupando boa parte da porção frontal. O novo carrinho tem desenho limpo e sóbrio, ficando a ousadia para a traseira, cuja cor da tampa do porta-malas difere do tom aplicado a carroceria, e os para-choques com molduras vazadas.
 
O desenho do novo Volks é assinado pelo italiano Walter de’Silva, o manda-chuva no que diz respeito ao design de todos os novos carros de todas as marcas do Grupo VW, que inclui nomes como Lamborghini, Bentley, Seat e até Scania, que faz caminhões.
 
O contato do iG Carros com o up! se deu no Salão de Frankfurt deste ano, onde pudemos entrar no carro e conhecer alguns de seus detalhes de perto. A cabine tem espaço definido para quatro ocupantes – o nosso pode ter 5 lugares – e o acabamento, embora não use o melhor material do mundo, é honesto e de bom gosto. O novo Uno segue essa mesma linha.
 
No painel o plástico usado em certas partes é do tipo laqueado, técnica de acabamento que deixa a peça mais lisa e reluzente, o que transmite luxo. Esse mesmo material também está nas portas, volante e no pomo do câmbio. Outra curiosidade é a posição dos comandos de ar-condicionado, que fica acima dos controles de áudio – o mais comum é o contrário.
 
A instrumentação, no entanto, é minimalista, priorizando o velocímetro, ao passo que o conta-giros é um pequeno relógio, do mesmo tamanho do indicador de combustível. A parte central ainda reserva espaço para o display do computador de bordo. Já a direção, com assistência elétrica, é destacada pela base reta, como em alguns carros da Audi

Volkswagen up!
Divulgação

O painel do up! é simples, mas os materiais usados no acabamento são de boa qualidade

Por ser muito pequeno – up! mede 3,54 metros de comprimento e 1,64 m de largura – quem paga o pato é o porta-malas. A capacidade do compartimento no novo Volks é de apenas 251 litros (com os bancos rebatidos sobe para 951 l). Esse é um ponto que deverá ser melhorado na versão do carro destinada ao país. Uma solução seria passar o estepe do interior do bagageiro para a parte inferior do veículo. A montadora, porém, ainda não confirma.

O coração do up!

Um carro pequeno não precisa de um motor que esbanje potência, mas sim algo que seja eficiente. O up! estreia o novo motor 1.0 de apenas três cilindros da Volkswagen, que já é anunciado em opções com 60 cv ou 75 cv – a transmissão por enquanto é apenas manual.

Abastecido com gasolina, a VW afirma que o compacto pode percorrer em média 23,8 km por litro de combustível, colocando o up! como um dos carros mais econômicos não só da Europa, mas também do mundo. No Brasil, como apurou o iG Carros, o modelo deve adotar esse mesmo motor, porém flex. A capacidade bicombustível, como acontece na maioria dos carros, pode entregar mais potência ao veículo, mas o consumo (até de gasolina) aumenta.

Leia tudo sobre: up!VolkswagenVWcompactoSalão de FrankfurtWalter de’Silva