Popular mexicano, Nissan March custará a partir de R$ 27.790

Hatch começa a ser vendido na semana que vem e traz pacote de equipamentos superior aos rivais nacionais

Ricardo Meier, de San Diego, EUA | 22/9/2011 14:09:00

Nissan March

É como se ele fosse brasileiro, mas com a vantagem de não pagar tantos impostos quanto os carros feitos aqui. O mais novo lançamento da Nissan no Brasil, o March, chega para brigar com gente grande do mercado - leia-se Gol e Uno -, e vem do México, país que virou o mais vantajoso lugar para se produzir carros para o consumidor brasileiro.

Sem pagar impostos de importação e fora das restrições criadas pelo governo com o aumento do IPI, o popular mexicano começa a ser vendido na próxima semana com preço bastante agressivo: R$ 27.790 para a versão de entrada, com motor 1.0 flex de 77 cv, câmbio manual e itens de série como airbags duplos, computador de bordo, ajuste de altura do banco, conta-giros, entre outros equipamentos incomuns para a categoria.

Com ar-condicionado, seu preço sobe para R$ 31.990, enquanto a configuração S pula para R$ 33.390. Já o March 1.6S, que só chega em novembro, sai por R$ 35.890 e vai subindo para R$ 37.990 (1.6SV) e R$ 39.990 (1.6SR).

Embora já exista, a transmissão automática foi deixada para 2012, segundo nos disse um executivo. Já o motor 1.6 flex  é novo, desenvolvido a partir do bloco 1.8 do Tiida. Possui 111 cv com uso de etanol e consome menos na cidade que o próprio 1.0 da versão de entrada. Há também uma série especial, SR, com adereços esportivos.

Participação dobrada

Embora seja forte em outros mercados como o americano e o mexicano - onde é líder -, a Nissan sempre teve um papel figurativo no mercado brasileiro. Nos últimos anos, essa situação começou a mudar. A marca abandonou o segmento premium - onde vendia poucos Muranos, Pathfinder e X-Trail - e se concentrou em modelos voltados à classe média, como os também mexicanos Sentra e Tiida e, mais recentemente, as minivans Livina e Grand Livina. Com isso, a marca dobrou sua participação, de 1% para 2%.

Agora, segundo disse ao iG Carros Christian Meunier, presidente da Nissan do Brasil, a meta é atingir a classe C com veículos acessíveis e bem equipados. Nessa estratégia está não só o March, como também o sedã Versa, cuja venda no País começará em novembro.

iG Carros avalia o March nesta quinta-feira e traz uma avaliação do hatch na sexta-feira, 23.

PESQUISE CARROS

RANKING

Veículos mais vendidos - julho de 2014

Pos. Modelo Vendas
Fiat Palio 15.989
Volkswagen Gol 14.347
Chevrolet Onix 14.015
Fiat Strada 12.585
Hyundai HB20 10.857
Ford Fiesta 10.591
Fiat Uno 9.613
Fiat Siena 8.949
Chevrolet Prisma 8.498
10º Volkswagen Saveiro 7.296
Veja ranking completo