Conceito Nissan Vmotion 2.0 mostra como serão os próximos sedãs. Confira as imagens e detalhes do protótipo e como irá mudar o estilo da empresa

O Nissan Vmotion 2.0 mostra a evolução da identidade de design e que será adaptada para os próximos carros da fabricante.
Divulgação/Newspress
O Nissan Vmotion 2.0 mostra a evolução da identidade de design e que será adaptada para os próximos carros da fabricante.

O Nissan Kicks foi o primeiro passo da fabricante para uma nova identidade de design, que começou a aparecer em outros modelos como o sedã Altima e o Sentra reestilizado. Agora estão desenhando como será a evolução dessa linguagem visual, antecipada com o protótipo Vmotion 2.0, sedã apresentado no Salão de Detroit (EUA) como exercício de estilo e que já é considerado uma prévia do próximo Altima.

LEIA MAIS: Novo Nissan March é revelado por completo. Deve chegar ao Brasil em 2018

Descrito pela marca como um “conceito que aponta o rumo do design para os novos modelos sedãs”, o Nissan Vmotion 2.0 mede 4,86 metros de comprimento, com 2,85 m de entre-eixos. É o mesmo comprimento que o Altima, embora tenha um entre-eixos maior. Por ter uma distância menor das caixas de rodas até suas extremidades, o Vmotion 2.0 parece ser mais esportivo do que o sedã grande de produção.

Todo o desenho foi montado sobre a assinatura V-motion, caracterizada pela forma em “V” na frente dos veículos, como na área cromada em volta da grade ou pelos vincos do para-choque e capô. No conceito, os designers tentaram criar um formato tridimensional sobre esse tema. Há vincos nas laterais, sempre mantendo linhas bem angulares por toda a carroceria. A própria peça cromada em V da grade forma uma linha que se estende pelo capô.

LEIA MAIS:  Aceleramos o SUV do March, rival de Honda HR-V, Jeep Renegade e companhia

Nissan Vmotion 2.0. Foto: Divulgação/NewspressNissan Vmotion 2.0. Foto: Divulgação/NewspressNissan Vmotion 2.0. Foto: Divulgação/NewspressNissan Vmotion 2.0. Foto: Divulgação/NewspressNissan Vmotion 2.0. Foto: Divulgação/NewspressNissan Vmotion 2.0. Foto: Divulgação/NewspressNissan Vmotion 2.0. Foto: Divulgação/NewspressNissan Vmotion 2.0. Foto: Divulgação/NewspressNissan Vmotion 2.0. Foto: Divulgação/NewspressNissan Vmotion 2.0. Foto: Divulgação/NewspressNissan Vmotion 2.0. Foto: Divulgação/Newspress

As colunas bastante inclinadas formam um efeito de teto flutuante (que dificilmente será usado em veículos de produção). A traseira usa o estilo V-motion nas lanternas, com lâmpadas formando o V. Como é um carro conceitual, eliminaram a coluna central e fizeram o modelo com portas traseiras do tipo suicidas (que abrem para trás).  Na cabine, o painel conta com uma tela única que vai do volante até metade do console, podendo ser utilizada tanto pelo motorista quanto pelo passageiro.

LEIA MAIS: Nissan Kicks começa a chegar às lojas na versão intermediária SV

Protótipo autônomo

O Nissan V-motion 2.0 também serve de vitrine para a tecnologia ProPILOT, modo com a funcionalidade de direção autônoma e que estará na próxima geração do compacto elétrico Leaf. Ao ativar a função, o carro irá se encarregar de controlar a velocidade e mover o veículo, transferindo o controle de volta para o motorista caso seja necessário mudar de faixa ou fazer uma ultrapassagem. Para indicar aos outros motoristas que o carro está no modo autônomo, a grade e o difusor traseiro brilham.