SUV é fotografado na China, ainda com disfarces. Muda no segundo semestre no Brasil, com visual mais próximo do Kuga

Entre todas as novidades que a Ford  prepara para este ano no Brasil, a mais importante para a marca é a reestilização do EcoSport. O SUV começa a aparecer em testes na China, onde é produzido em parceria com a Changan. Por aqui, será lançado apenas no segundo semestre, com participação confirmada para o Salão de Automóvel de São Paulo, entre os dias 10 e 20 de novembro.

A camuflagem é pesada, mas dá para perceber que irá puxar mais o design do Kuga , o SUV derivado do Focus , do que do Edge. A diferença está na área entre os faróis e a grade. No Edge , os dois são integrados, enquanto o Kuga tem um pequeno espaço entre eles. A grade tem o mesmo desenho, com duas barras mais finas do que no utilitário maior. Logo abaixo estão os faróis auxiliares retangulares.

Do lado de trás, está o estepe pendurado na traseira, indicando que não irão adotar a mudança feita no lançamento na Europa. As lanternas passam a impressão de serem de LED. O interior teve a renovação mais radical. O painel tem um acabamento em duas cores, controles menores para o ar condicionado e rádio com uma tela mais próxima do motorista. A troca do rádio é importante, pois deixa espaço para adotar a central multimídia Sync 2. O volante multifuncional é o mesmo do Focus e o cluster perdeu os contornos pintados de cinza em volta dos contadores dos instrumentos, separados pela tela do computador de bordo.

Fonte:  Auto163

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.