Com mudanças pontuais no design, utilitário esportivo se prepara para ser produzido no Brasil

Quando o Evoque alcançou o sucesso, o pessoal da Jaguar Land Rover deve ter ficado preocupado. Afinal, o utilitário esportivo baseado no protótipo LRX , de 2008, teria que ser reestilizado em algum momento. Como eles iriam renovar o visual do carro que redefiniu da linha Range Rover , que serviu de inspiração até para o caríssimo Vogue ?

A resposta foi mexer o mínimo possível, para fazer mudanças bem pontuais que dessem a impressão que é um carro diferente. Trocaram a grade, por uma com formato de gomos escurecidos. As luzes auxiliares no para-choque subiram um pouco, ficando no topo das entradas de ar. E os faróis ficaram diferentes por dentro, com destaque para os dois quadrados em LED. As novas lâmpadas também apareceram nas lanternas traseiras.

Parece ou não ou stormtrooper do filme
Divulgação
Parece ou não ou stormtrooper do filme "Star Wars"?

Quando a redação do iG Carros olhou para o Evoque , o primeiro comentário foi do editor Carlos Guimarães e que definiu o tom de todos os comentários sobre o carro: “Nessa cor, parece aqueles soldados do Star Wars”. Realmente, de frente e na cor branca, lembra muito um stormtrooper. Só esperava que não tivesse a mesma incrível habilidade em errar tudo como os soldados do filme.

Venha para o lado negro

Não, ele não errou. Muito pelo contrário. Se um stormtrooper fosse tão bom quanto o Evoque , Luke Skywalker não teria tido a menor chance. O motor 2.0 turbo, a gasolina, uma das heranças da época que a Ford era dona da Land Rover , continua a trabalhar bem com todo o carro. São 240 cv a 5.800 rotações e 34,7 kgfm de torque a 1.750 rpm. Ou seja, basta acelerar um pouco até as rotações alcançarem a faixa ideal e o Evoque  dispara.

O Evoque é grande em todos os aspectos. Tem 4,37 metros de comprimento, 1,96 m de largura e pesa 1.658 quilos. Está mais para Chewbacca do que para guerreiro imperial. E se move com a agilidade de um TIE Fighter. Na versão avaliada, a HSE Dynamic, a tração 4x4 é controlada pelo sistema Active Driveline, que distribui o torque para as rodas de acordo à demanda.

Interior do Evoque renovado tem acabamento de primeira
Divulgação
Interior do Evoque renovado tem acabamento de primeira

Outra parte da agilidade vem do câmbio automático ZF de nove marchas. As trocas são rápidas e precisas, mantendo o ritmo das acelerações. Em alguns momentos, nem parece que estamos em um utilitário esportivo, e sim em um cupê. Não é a toa que ele vai de 0 a 100 km/h em 7,6 segundos. O mesmo câmbio ajuda a manter o consumo mais baixo, em uma média interessante para um carro de seu porte. Pelo Programa Brasileiro de Etiquetagem Veículo (PBE), o Evoque faz 7,9 km/l na cidade e 11,1 km/l na estrada. Ao fim do meu período com o Evoque , o computador de bordo marcava plausíveis 7,7 km/l.

Desbravando a lua florestal de Endor

Como os stormtroopers, o Evoque é bem versátil e pode ser enviado para qualquer lugar. O sistema 4x4 dá conta do recado, enquanto a tripulação segue confortável dentro do SUV. Os bancos de couro já eram confortáveis e agora contam com um aspecto mais esportivo. Podemos até personalizar com a escolha de cores diferentes para a costura e acabamento.

Câmbio automático de nove marchas funciona com botão giratório no console central
Divulgação
Câmbio automático de nove marchas funciona com botão giratório no console central

Se quiser deixar no piloto automático, opções não faltam. Tem assistente de estacionamento para ajudar naquelas ruas com guias detonadas e traiçoeiras, controle de cruzeiro adaptativo e uma série de sensores que avisam se o motorista sair da faixa ou se um veículo está próximo demais e pode causar uma colisão. O problema que tudo isso é opcional, levando o preço a salgados R$ 256.900.

Quem quiser aproveitar um pouco da exclusividade de ter o Evoque renovado precisa aproveitar agora. Até o final do semestre a Jaguar Land Rover vai começar a produzir o SUV na fábrica em Itatiaia (RJ). E, considerando que é um carro que vende impressionantes 200 unidades por mês no alto da crise do mercado automotivo, logo logo vai virar um exército maior do que o do Imperador Palpatine.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.