undefined
Reprodução/Autovisie
Com novo design, Ford EcoSport será lançado apenas no início de 2017.

Em um momento de crescimento na venda dos SUVs compactos, o Ford EcoSport ficou um pouco para trás. O lançamento do Honda HR-V e do Jeep Renegade fez com que o utilitário esportivo da Ford perdesse a liderança e ficasse na terceira colocação nas vendas. A esperança da marca é que a reestilização do modelo mude isso. No entanto, a estreia será apenas no início de 2017, contrariando a expectativa de lançamento no Salão do Automóvel, em novembro.

As fotos espiãs do SUV mostram que o Ford EcoSport muda bastante na sua frente, adotando linhas semelhantes ao do Kuga , o utilitário esportivo baseado no Focus . A grade ganha mais destaque, posicionada mais acima e próxima dos faróis, eliminando a pequena entrada de ar que o modelo atual possui no capô. Com essa mudança, o logo da Ford passa a ficar posicionado no meio da nova grade.

LEIA MAIS:  Ford EcoSport 2017 muda apenas o plano de manutenção

O elemento que aproxima o EcoSport do Kuga é o espaço entre os faróis e a grade, o que não acontece em outros SUVs da marca como o Edge . As versões mais caras terão luzes de neblina na vertical com lâmpadas de LED. A parte de trás continua a mesma, recebendo apenas novo desenho interno para as lanternas. Não será dessa vez que o carro deixará de carregar o estepe na traseira – item de design que muitos brasileiros ainda gostam por dar uma cara de carro off-road.

Adeus ao 1.6

undefined
Reprodução/Autovisie
Terá mudanças importantes, como a substituição do motor 1.5 Sigma pelo novo 1.5 Dragon de três cilindros.

Mais do que a mudança no design, a novidade mais importante do crossover é a aposentadoria do motor 1.6 Sigma. No seu lugar estará o novo 1.5 Dragon, um motor de três cilindros feito de alumínio. Deve gerar cerca de 130 cv e mais de 15 kgfm de torque, mesmo que não use injeção direta. A linha Dragon deve contar também com um 1.2, em desenvolvimento na Índia e que pode aparecer no Ka em breve.

LEIA MAIS: Ford EcoSport dos EUA não será feito no Brasil

Nas versões mais caras, segue o motor 2.0 Duratec, atualizado para ganhar mais eficiência. Passará a contar com injeção direta de combustível, aumentando a potência para um valor próximo dos 178 cv do Focus. A polêmica transmissão automatizada PowerShift de dupla embreagem também foi aperfeiçoada, principalmente no sistema de lubrificação da caixa, para evitar os problemas do câmbio atual.

undefined
Reprodução/Auto163
Flagra do Ford EcoSport reestilizado na China

Embora a marca tenha prometido levar a central multimídia Sync 3 para mais modelos, os flagras do Ford EcoSport na China mostram que o interior estavam com uma pequena tela sensível ao toque com o sistema Sync 2. Será controlada também pelo volante multifuncional igual ao do Focus . O interior virá um pouco mais requintado, para não ficar devendo em relação aos rivais Honda HR-V e Jeep Renegade .

Fonte:  Autovisie

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários