Perua da Volkswagen foi objeto de desejo durante os anos 80 e 90. Confira nossas impressões ao volante e assista ao vídeo com detalhes do carro

O título dessa matéria já diz quase tudo. Encontrar uma perua Volkswagen Quantum, ou Santana Quantum como era chamada na época, com baixa quilometragem, original e ótimo estado é algo bem raro. A maior parte desses carros sofreu os efeitos do tempo e da falta de manutenção.

LEIA MAIS: Chevrolet Kadett GS: assista ao vídeo do famoso esportivo nacional dos anos 90

A Volkswagen Quantum foi lançada em 1985 e, logo de cara, arrebatou corações no país todo. Isso porque trazia um desenho leve e harmônico que trabalhava com um conjunto bastante otimizado de motor e câmbio. Além disso o espaço interno era um de seus diferenciais.

LEIA MAIS: Puma GTB S2: o verdadeiro felino brasileiro

O Santana vendido por aqui era, na verdade, um Passat B2, que em nosso mercado acabou seguindo em frente com o mesmo estilo até sua aposentadoria anos mais tarde. Lá fora existiam também versões a diesel e com tração integral.

A versão GLS era a escolha de quem tinha bom gosto, mas também bastante dinheiro na conta corrente. Rodas de 14 polegadas e desenho exclusivo, bagageiro, bancos Recaro e acabamento diferenciado eram seus destaques. Vale ressaltar que naquela época as versões também eram diferentes esteticamente.

Bateu saudade

Volkswagen Quantum: raríssimo exemplar 1989 está como se estivesse acabado de sair da linha de montagem da VW
Renato Bellote/iG
Volkswagen Quantum: raríssimo exemplar 1989 está como se estivesse acabado de sair da linha de montagem da VW

Guiar uma perua é uma satisfação à parte. O motor AP2000 casa perfeitamente com o câmbio manual de cinco marchas, a escolha da maior parte dos que levaram a Quantum para casa. Curiosamente, na década de 80, a caixa automática, tão comum hoje em dia, não era bem aceita no mercado por uma série de fatores.

LEIA MAIS: Chevrolet Monza S/R: versão esportiva marcou o fim de uma era

Esse exemplar com pintura prateada, em especial, tem uma história curiosa. O primeiro dono comprou o carro em 1989 e andava apenas de táxi. Durante todo esse tempo manteve o carro praticamente guardado, usando em pouquíssimas oportunidades.

O mais importante é que, passadas três décadas, futuros clássicos como esse já passaram a ser vistos de outra forma nas ruas. Eles guardam lembranças de vida, de uma época e histórias curiosas de família. Confira o vídeo da Volkswagen Quantum acima! A partir da próxima semana falaremos sobre grandes picapes e modelos importados. Até lá!

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.