Tamanho do texto

Erro na fabricação do airbag do motorista leva Renault a convocar Sandero e Duster. Será feita a troca da bolsa inflável.

O Renault Sandero GT Line está entre as 3.083 unidades do hatch que correm o risco do airbag do motorista não funcionar.
Divulgação
O Renault Sandero GT Line está entre as 3.083 unidades do hatch que correm o risco do airbag do motorista não funcionar.

A Renault do Brasil convoca os proprietários dos modelos Sandero e Duster, produzidos em 2014, para a verificação, se necessária, a substituição do airbag do motorista. Segundo o comunicado de recall, os veículos afetados apresentam um problema no sistema de acionamento que pode impedir que a bolsa seja inflada em caso de acidente, aumentando o risco de ferimentos.

LEIA MAIS: Os 10 SUVs que serão lançados no Brasil em 2017

De acordo com a Renault , o problema foi causado por uma falha no processo de fabricação do airbag por sua fornecedora. O lote defeituoso foi instalado apenas do lado do motorista, sem que afete o equipamento posicionado no lado do passageiro. Os equipamentos foram usados em 3.083 unidades do Sandero , nas versões Authentique, Expression e GT Line, com motor 1.0 e 1.6; e em 737 exemplares do Duster , nas configurações Expression e Dynamique, todas com motor 1.6.

As unidades do Sandero convocadas no recall foram produzidas entre 7 e 19 de maio de 2014, com chassis não-sequencial entre EJ347159 e EJ396614. Os Duster convocados tem data de fabricação entre 7 e 9 de maio de 2014, e entre 6 e 23 de junho de 2014, com código de chassis entre FJ355167 e FJ401184 e entre GJ928087 e GJ989889. O aventureiro Sandero Stepway, o esportivo Sandero RS, o sedã Logan e a picape Duster Oroch não estão envolvidos.

LEIA MAIS: Renault Logan 1.6 SCe - sedã renasce com novo motor

Os proprietários devem entrar em contato com uma concessionária ou oficina autorizada da Renault para agendar a verificação e eventual troca do airbag do motorista. O reparo leva cerca de uma hora. Para mais informações, a fabricante disponibiliza o Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC), pelo telefone 0800 055 5615, ou pelo site https://www.renault.com.br/servicos/recall.html  dedicado a campanhas de recall.

LEIA MAIS: Renault Captur é oferecido em pré-venda a partir de R$ 89 mil

Novos motores

Apresentada em dezembro de 2016, a nova linha de motores SCe da Renault começou a equipar diversos modelos da marca. A dupla Sandero e Logan foi a primeira, na versão 1.0 e 1.6. Em seguida foi a vez do Duster e sua picape derivada Duster Oroch. Além de aposentar motores antigos, também serão usados em novos modelos. O utilitário Captur, previsto para chegar às lojas em março, usará o 1.6 na versão de entrada, enquanto o compacto Kwid, previsto para meados do ano, ficará com o 1.0.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.