Tamanho do texto

Modelo compacto começará a ser vendido a partir do segundo semestre de 2018, nas versões hatch e sedã, de acordo com a fabricante

Toyota Yaris: versão renovada do hatch terá VW Polo, Ford Fiesta, Fiat Argo e Honda Fit entre os principais rivais
Divulgação
Toyota Yaris: versão renovada do hatch terá VW Polo, Ford Fiesta, Fiat Argo e Honda Fit entre os principais rivais

A Toyota vai fabricar as versões hatchback e sedã do compacto Yaris em Sorocaba (SP), frutos de um investimento de R$ 1 bilhão. Conforme a marca japonesa, os carros vão começar a ser vendidos no Brasil a partir do segundo semestre do ano que vem. Além disso, a unidade de produção de motores será ampliada para fabricação de novos modelos, a partir da segunda metade de 2019, o que vai gerar 320 empregos  diretos e indiretos, ainda conforme a fabricante.

LEIA MAIS: Toyota mostra sedã Yaris Ativ, que poderá ser vendido no Brasil

A planta de Porto Feliz (SP) já recebeu investimentos de R$ 580 milhões em sua primeira fase e passa a ter um aporte total de R$ 1,18 bilhão com a ampliação, que já começou. Em menos de um ano de sua abertura, a planta bateu a marca de 100 mil unidades produzidas de motores 1.3 e 1.5 do Etios, ainda segundo os números divulados pela Toyota.

Alguns detalhes do Yaris

Na traseira, novo modelo terá lanternas com LED no lugar das lâmpadas convencionais como parte do novo visual
Divulgação
Na traseira, novo modelo terá lanternas com LED no lugar das lâmpadas convencionais como parte do novo visual


Nenhum detalhe do Yaris nacional foi informado pela Toyota, que apenas enviou duas imagens do carro na versão hatch. Trata-se da versão renovada do modelo, com luzes diurnas de LED embutidas nos faróis, grade frontal cromada com entradas de ar estreitas e longas.

LEIA MAIS: Toyota Yaris renovado é visto camuflado antes da estreia

 Na traseira, as lanternas também terão LED, para-choque de linhas modernas  e um defletor de ar para dar mais esportividade ao hatch, que terá 4,12 metros de comprimento por 1,70 m de largura e 1,48 m de altura. No conjunto mecânico,uma das opções de motor deverá ser o 1.5, de 108 cv, que vai equipar o sedã Vios. Em alguns países, também está disponível o 1.2, de três cilindros, que ainda é dúvida no Brasil. 

Por falar do sedã da Toyota, sabe-se que o carro terá  4,43 m de comprimento, 1,73 m de largura e 2,55 m de entre-eixos, dimensões que o deixam entre o Etios e o Corolla. A versão mais cara do Vios deve ser equipada com ar-condicionado automático, sistema multimídia com tela sensível ao toque de sete polegadas, seis alto-falantes, computador de bordo em uma tela de 4,2 polegadas no painel e partida por botão. Entre os concorrentes terá modelos como Volkswagen Virtus, Ford Fiesta Sedan, Honda City e o sedã do Fiat Argo, que  vai ser fabricado na Argentina, mas cujo nome ainda não foi divulgado pela marca italiana. 

LEIA MAIS: Veja quais são as 5 novas apostas do segmento de hatches premium no Brasil

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.