Tamanho do texto

Honda aposta em tecnologia no Salão de Tóquio (Japão), que abre suas portas para o público em geral entre os dias 28 de outubro e 5 de novembro

Honda Ridind Assist: sistema de gerenciamento de condução autônoma está na roda dianteira
Divulgação
Honda Ridind Assist: sistema de gerenciamento de condução autônoma está na roda dianteira

Você deve estar cansado de saber que carros autônomos e elétricos estão entre as prioridades das montadoras para o futuro. Mas é bem difícil ver qualquer representante dessa filosofia revolucionária no mundo das motocicletas. A Honda quer mostrar que isso pode ser mais que uma ideia, e apresenta o conceito Riding Assist elétrico.

LEIA MAIS:  Volkswagen terá novo carro elétrico em meados de 2020

A moto da Honda foi atração no Consumer Electronics Show, que aconteceu em Las Vegas (EUA), no início do ano, e reaparecerá no Salão de Tóquio (Japão). Os engenheiros retrabalharam o sistema de equilíbrio automático, que permite que a moto fique em pé sem assistência do piloto. Ela também dispensa o uso de giroscópios, utilizando um novo sistema de gerenciamento de condução autônoma instalado na roda dianteira.

Até o momento,a marca faz mistério sobre as especificações técnicas. O motor elétrico estará alocado acima do sistema de baterias, com um radiador especial montado na traseira. Um braço oscilante especial permite que a roda de trás também tenha ângulo de esterçamento.

Motocicleta da Honda é capaz de ficar sempre de pé, sem precisar da ajuda do piloto, diz a fabricante
Divulgação
Motocicleta da Honda é capaz de ficar sempre de pé, sem precisar da ajuda do piloto, diz a fabricante

O sistema de equilíbrio automático que a Honda desenvolveu poderá ser aproveitado em outras motocicletas, não necessariamente elétricas e autônomas. Basta efetuar alguns ajustes de tamanho e de espaço. Tanto é que a marca também utilizou o sistema na esportiva NC 700, durante o Consumer Electronics Show. Executivos da marca japonesa também deram indícios de que a nova Gold Wing, que será mostrada antes de sua apresentação oficial, no Salão de Tóquio, já contará com o novo sistema.

LEIA MAIS: Carros elétricos estão superando desconfianças mundo afora

Nas próximas semanas, teremos mais informações sobre o que a Honda está planejando para o Salão de Tóquio. É certo que teremos a apresentação oficial do conceito Super Cub C125, a celebração do aniversário da Super Cub 110, e outro conceito misterioso, chamado Monkey 125.

Esportivo elétrico

Honda Sports EV: desenho antecipa linhas do protótipo que será mostrado no Salão de Tóquio (Japão)
Divulgação
Honda Sports EV: desenho antecipa linhas do protótipo que será mostrado no Salão de Tóquio (Japão)

Além da moto elétrica que não cai, a Honda apresentará o conceito esportivo Sports EV, que deve surgir em detalhes no dia 25 de outubro. O modelo vem para demonstrar o estudo sobre um cupê elétrico feito para “ combinar com qualquer estilo de vida ”. Se o Urban EV, revelado em Frankfurt, era baseado no Honda N360 dos anos 60, o Sports EV trará elementos do clássico S2000, ou possivelmente do Prelude.

LEIA MAIS: Honda mostra conceito de compacto elétrico em Frankfurt

A Honda mantém o mistério sobre as linhas do Sports EV, revelando apenas a silhueta do cupê. Sabemos que ele foi montado na mesma plataforma do compacto retrô Urban. De acordo com a marca, o Sports EV combinará performance com inteligência artificial.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.