Tamanho do texto

Falha na injeção do motor afeta modelos equipados com Tigershark 2.4 e câmbio automático. Confira os detalhes.

Fiat Toro
Divulgação
Fiat Toro

Aproximadamente 223 unidades da Fiat Toro, equipadas com motor 2.4 Tigershark flex e câmbio automático, foram convocadas para a realização de um recall. Conforme declaração da montadora italiana, uma falha foi identificada no sistema de injeção do motor. Há risco de perda de potência em retomadas de velocidade ou ultrapassagens, aumentando o risco de acidentes. O chamamento inclui modelos 2017/18, entre os chassis 988226106JKB26876 e 988226106JKB44174.

LEIA MAIS: Fiat Toro enfrenta Renault Oroch: qual das duas picapes vence?

De acordo com a Fiat, o reparo gratuito leva apenas uma hora, e deverá ser agendado pelo número 0800 7071000 a partir da próxima segunda-feira (09). Caso o problema ainda não tenha se manifestado, o motorista poderá identificá-lo através do acendimento da luz de injeção no painel de instrumentos da Fiat Toro .

LEIA MAIS: Fiat Toro 2.4 Flex Freedom faz esquecer das versões 1.8 da picape

Este é o terceiro recall do modelo. O primeiro foi em maio de 2016, mediante o risco de queda do estepe. O segundo aconteceu em maio deste ano nas versões diesel, devido uma falha que impossibilita o desligamento forçado do motor em situações de emergência.

Convocados

Fiat Grand Siena 1.0
Divulgação
Fiat Grand Siena 1.0

A picape intermediária não é a única a ser convocada para reparos. Proprietários de Palio, Uno, Grand Siena, Fiorino, Strada e Mobi também devem comparecer às concessionárias da Fiat no início da semana que vem para a substituição da caixa de marchas. De acordo com a marca, a trava de segurança, responsável pela fixação do pino de sustentação das engrenagens satélites no diferencial, pode se quebrar, provocando desprendimento da peça e, em alguns casos, comprometendo o controle de estabilidade e dirigibilidade. O reparo dura aproximadamente quatro horas. 

LEIA MAIS: Fiat Toro Blackjack chega às concessionárias por R$ 112.990

O veículo com maior número de unidades para recall é o Fiorino, com 88 carros envolvidos. Em seguida, a líder de seu segmento, Strada Working 1.4, com 62. Mobi, em suas versões Easy e Drive, e o Uno tiveram 19 e 16 unidades convocadas, respectivamente. O sedã compacto Grand Siena, equipado com motor 1.0 e 1.4, tem 6 carros compreendidos. Palio Weekend Attractive 2017 teve apenas duas unidades convocadas. Já o Novo Palio Attractive e Palio Fire tiveram apenas um modelo envolvido no recall. Confira mais informações sobre a convocação da Fiat Toro e os chassis dos modelos envolvidos no site da Fiat.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.