Tamanho do texto

O revolucionário BMW Z8, que já pertenceu a Steve Jobs, está impecável e carrega a história do gênio da tecnologia

BMW Z8: pertenceu ao gênio da tecnologia. E se destaca pelo estilo que lembra o clássico roadster 507 dos anos 50
Divulgação
BMW Z8: pertenceu ao gênio da tecnologia. E se destaca pelo estilo que lembra o clássico roadster 507 dos anos 50

O BMW Z8 que Steve Jobs comprou zero quilômetro no ano 2000 será leiloado na RM Sotheby's, de Nova York (EUA). O carro foi usado regularmente pelo co-fundador da Apple até 2003 e tem apenas 24.320 km rodados. Para Jobs, segundo afirma Larry Ellisson, CEO da Oracle, o roadster alemão “representava ergonomia e engenharia, mesmas qualidades que se encontravam em seus produtos”. Mesmo não tendo um histórico de rodar com carros muito chamativos, o recém nomeado CEO da Apple na época, encantou-se com o que o BMW Z8 simbolizava, tanto para seus gostos pessoais, quanto para sua filosofia e da sua empresa.

LEIA MAIS: BMW X2 é revelado por completo. E já está confirmado para o Brasil em 2018

Por ter sido produzido somente entre os anos de 1999 e 2003, menos de 6000 unidades saíram da fábrica. Equipado com uma placa de identificação que diz “Jobs Z8”, o BMW único e em perfeito estado de conservação está com seu quarto dono e, ainda, possui o telefone móvel da Motorola, que vinha de fábrica com o carro. Segundo a descrição do leilão sobre o Z8, Steve Jobs odiava o celular, mesmo sendo uma grande novidade tecnológica para a época.

As origens do Z8

LEIA MAIS: BMW i3 2018 ganha nova versão com apelo esportivo, entre outras novidades

Baseado no BMW 507, esportivo de produção limitada na década de 50, o design do Z8 é fruto do trabalho de Henrik Fisker, responsável também pelo desenvolvimento estético do Aston Martin DB9 e do elétrico Karma, modelo da Fisker Automotive, empresa criada em conjunto pelo próprio designer dinamarquês e Bernhard Koehler. Feito em comemoração à virada do milênio, sua aparência pouco muda do modelo conceitual (apresentado no Salão de Tóquio de 1997) e é tão diferente e sofisticado, que James Bond já pôs suas mãos em um exemplar no filme “The World is Not Enough”, interpretado por Pierce Brosnan.

LEIA MAIS: BMW M2 Coupé é brinquedo para gente grande

Estima-se que o valor do leilão do dia 6 de dezembro atingirá U$300.000, o que não representa números tão maiores que os U$ 128.000, custo do BMW Z8 4.9 litros V8 de 400 cv e carroceria de alumínio, na época em que era vendido zero quilômetro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.