Tamanho do texto

A off-road tem a mesma mecânica da variação urbana G 310 R, mas recebe alterações no sistema de suspensão, como mais robustez e altura do solo

BMW G 310: A motocicleta virá para enfrentar ambientes de difícil acesso, seja por lama, água ou terra
Divulgação
BMW G 310: A motocicleta virá para enfrentar ambientes de difícil acesso, seja por lama, água ou terra

A BMW inicia a produção da nova G 310 GS em sua fábrica de motocicletas em Manaus (AM). Com planos de ser lançada no Brasil em breve, ainda no 1º semestre, a aventureira já apareceu no Salão Duas Rodas de 2017, que segundo a montadora alemã, atraiu bastante atenção do público. Apesar da suspensão ter recebido acertos para conferir mais habilidades off-road à motocicleta, ela tem o mesmo conjunto mecânico da variação urbana G 310 R, com motor monocilindrico de 310 cc, com 34 cv e 2,8 kgfm. Além disso, o câmbio continua a ser de seis marchas, com transmissão por corrente. Esse tipo de montagem, proporciona um centro de gravidade mais baixo e mais peso concentrado na roda da frente. Seu preço ainda não foi divulgado, mas as estimativas para ele giram em torno de R$ 24.000.

Além dos medidores, o cluster digital conta com computador de bordo e as luzes espia
Divulgação
Além dos medidores, o cluster digital conta com computador de bordo e as luzes espia

LEIA MAIS: Honda CB 250 Twister é a moto que menos deprecia, de acordo com estudo

A estreia da nova motocicleta na linha BMW exigiu investimento e organização da montadora para sua fábrica, uma vez que agora passa a produzir 11 modelos diferentes no total. Inaugurada em outubro de 2017, a linha de montagem recebeu R$ 57,3 milhões em investimentos e, agora, tem capacidade de produção para 10 mil motos por ano e mais de 170 funcionários. Dos 45 fornecedores que atendem a fábrica de Manaus (Amazonas), 15 são dedicados à linha G 310.

LEIA MAIS: Yamaha apresenta linha 2018 do scooter NMax 160 ABS

A versão urbana G 310 R

Apesar de também apresentar adereços aventureiros, a G 310 R é, entretanto, mais voltada para o asfalto, com mais conforto e sem muita pretensão de enfrentar trilhas radicais no meio do mato (ao contrário da nova irmã G 310 GS). Já que as diferenças entre as duas variações da G 310 giram em torno, basicamente, do conjunto de suspensão - uma vez que a aventureira deve ter robustez, enquanto a urbana é pensada para ter boa dinâmica - esse é o assunto que deve receber o maior enfoque. A R, de rua, vem com amortecedores ajustáveis na traseira e uma série de componentes leves, responsáveis por conferir mais agilidade.

LEIA MAIS: Kawasaki Ninja 1000 é modelo esportivo da marca para viagem

Além disso, o aro da roda dianteira é de 19 polegadas, enquanto a de trás é de 17 polegadas, montadas em pneus 110/80 R19 e 150/70R 17, respectivamente. Por fim, os freios da BMW vêm com pinças de quatro pistões com discos de 300 mm de diâmetro na frente e de 240 mm atrás. O sistema anti-travamento das rodas (ABS) pode ser desligado se o piloto assim quiser.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.