Tamanho do texto

Entre os modelos que receberam a preparação da alemã OETTINGER, os ganhos de fôlego ficaram na casa entre os 20 cv e 80 cv

Audi RS3 OETTINGER: após o prêmio de motor do ano na Europa, os 5 cilindros ganham mais 80 cv debaixo do capô
Divulgação
Audi RS3 OETTINGER: após o prêmio de motor do ano na Europa, os 5 cilindros ganham mais 80 cv debaixo do capô

A Audi passa a contar com modelos que recebem preparação da OETTINGER, empresa que atua no país há três anos e aumenta a agressividade dos modelos esportivos que, a princípio, se limitavam aos Volkswagen esportivos no Brasil. Incluindo o Audi RS3, ao todo serão 22 modelos e, a partir deste mês, dez deles já estão disponíveis para aqueles que querem ainda mais desempenho. Entre eles, estão: A1, A3, RS3, RS6, RS7, RSQ3, Q7 TDI e o VW Golf GTI.

LEIA MAIS: Audi RS3 Sedan: o pequeno notável

Os compradores dos alemães certamente terão exclusividade de sobra, bem como diversão ao volante
Divulgação
Os compradores dos alemães certamente terão exclusividade de sobra, bem como diversão ao volante

O Audi RS3 e o RSQ3 virão com 480 cv e 63 kgfm de torque. Enquanto o primeiro vai de 0 a 100 km/h em 3,6 segundos e chega à velocidade máxima de 300 km/h, o segundo faz o seu em 4,4 segundos e passa dos 260 Km/h. A conversão de ambos custará R$ 39.900. Além disso, haverá a versão mais apimentada do A3 2.0 TFSI. Nesse casi, são 300cv e 46 kgfm, o mesmo motor do Volkswagen Golf GTI OETTINGER. O modelo sai do zero e atinge os 100 km/h em 5,9 segundos, com a velocidade máxima de 250 km/h. O valor da preparação é de R$17.900 para o hatchback.

LEIA MAIS: Audi RS7 Performance: Aceleramos o supercarro do Neymar

Enquanto isso, o menor A1 terá 152 cv e 25 kgfm, tomando como base o modelo original 1.4 TFSI, de 125cv. O upgrade sai por R$ 9.900,00. No outro extremo, o Audi Q7 TDI, que ao se tornar OETTINGER, por R$ 39.900, o motor a diesel terá 320 cv e 67,5 kgfm, capaz de levar o grandalhão de 0 a 100 km/h em 6,1 segundos e chegar à  velocidade máxima de 240 km/h. Vale lembrar que todas as conversões vêm acompanhadas de certificação oficial e oferecem garantia de até 2 anos ou 50 mil km.

LEIA MAIS: Audi Q3 1.4 Ambition: como anda o SUV premium mais vendido do Brasil

Os mais poderosos

Como se toda a brutalidade dos RS6 e RS7 já não fosse suficiente, passaram a receber ainda mais agressividade
Divulgação
Como se toda a brutalidade dos RS6 e RS7 já não fosse suficiente, passaram a receber ainda mais agressividade

Da linha RS da Audi , os quatro primeiros a chegar são os modelos RS6, RS7, RS3 e RSQ3. Tanto na versão original como na versão performance, os dois primeiros chegam aos 720 cv e 100 kgfm, indo de 0 a 100 km/h em 3,2 segundos e à velocidade máxima de 320km/h. Para se converterem nos RS6 OETTINGER  e RS7 OETTINGER, o upgrade de ambos os motores custará R$ 59.900 e há a opção do escapamento “valve-controlled” por mais R$ 59.900.

LEIA MAIS: Audi R8 V10 Plus:  aceleramos o supercarro debaixo de chuva

Vale ressaltar que, tal como o Audi RS3 , ambos contam com o câmbio S-tronic, de dupla embreagem, de 7 marchas, que otimiza a retomada de velocidade e a suavidade na entrega da potência. Ainda como parte do conjunto da transmissão, o esportivo conta com distribuição do torque entre os eixos, que reduz a tendência do RS3 de sair da trajetória em curvas enquanto acelera. A tração 4x4 é integrada ao sistema dinâmico de direção (Audi drive select), permitindo que o motorista escolha individualmente o funcionamento desses componentes entre três modos: conforto, automático e dinâmico.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.