Ferrari Purosangue
Projeção/Daniel Crossman
Ferrari Purosangue será o primeiro SUV da tradicional marca italiana de superesportivos



Nem a Ferrari escapou da onda de SUVs que invade o mundo automotivo. Apesar de alguma relutância, principalmente enquanto o falecido chefão da FCA, Sergio Marchionne , estava no comando, a marca do cavalo empinado terá um utilitário esportivo, provavelmente em 2021. O carro vai se chamar Purosangue e, de acordo com a revista inglesa Auto Express , terá a mesma base do recém-lançado modelo Roma.

LEIA MAIS: Ferrari divulga mais detalhes do superesportivo Roma

Depois da Lamborghini e da Aston Martin, a Ferrari será a próxima marca tradicional de esportivos a se render ao apelo dos SUVs no mercado, segmento que, no Brasil, já atingiu 25% das vendas totais. O utilitário esportivo Purosangue já tem alguns esboços e projeções, como a do  designer Daniel Crossman que imaginou como será o novo modelo da marca com mais de 8 décadas de história.

De acordo com o que apurou a Auto Express, em linhas gerais, a Ferrari terá dois tipos de arquitetura. Uma para os modelos com motores traseiros e outra para os traseiros. E entre os carros do primeiro grupo haverá alguns lançamentos, entre os quais o Purosangue e o Roma, cupê esportivo que acaba de ser apresentado.

LEIA MAIS: Ferrari revela novo 812 GTS, o conversível mais potente do mundo

No caso dos modelos da Ferrari com motores dianteiros, a marca prevê a utilização de modelos V6, V8 e V12. Mas o Purosangue não deverá ser fabricado com 12 cilindros e tudo indica que será um híbrido. Aliás, será cada vez mais raro aparecerem carros com uma dúzia de cilindros. Da marca italiana, apenas os hipercarros terão essa configuração, que nunca deverá contar com algum tipo de eletrificação, até por uma questão de aumento de peso do conjunto.

    Veja Também

      Mostrar mais