BMW iX
Divulgação
BMW iX chega como um marco na história da marca alemã como o primeiro utilitário esportivo totalmente elétrico

A BMW comemora o início da produção na China do modelo iX3. Mas isso não impediu que a marca alemã revelasse o iX como o seu primeiro SUV de propulsão 100% elétrica.


Apesar de gerar certa confusão, a explicação para isso é a seguinte: o iX3 é basicamente um X3 modificado para receber um conjunto motriz elétrico. Já o iX é um modelo maior, versão de produção do conceito iNext, mostrado do Salão de Paris de 2018, e que foi criado desde o início para ser um SUV elétrico (ou SAV — Sports Activity Vehicle — como prefere a BMW).

O carro que será feito em série na fábrica de Dingolfing (Alemanha) manteve o visual básico do conceito, porém com modificações para adaptá-lo ao mundo real. Sem divulgar as medidas, a BMW destaca que o novo SUV elétrico tem o mesmo porte do X5 , modelo que mede 4,92 m de comprimento e 2,00 m de largura, mas com uma carroceria mais baixa, com altura por volta de 1,70 m.


O SUV será equipado com dois motores, capazes de desenvolver a potência combinada de 503 cv. Com um pacote de bateria de 100 kWh, o iX é capaz de acelerar de 0 a100 km/h em 5 segundos, sendo capaz de rodar mais de 600 quilômetros. De acordo com a BMW, o modelo está preparado para utilizar carregadores rápidos de até 200 kW, permitindo ir de 10 a 80% de carga em apenas 40 minutos.


Ainda de acordo com a BMW , os sistemas de computadores integrados ao iX são capazes de lidar com um volume de dados 20 vezes superior ao dos modelos atualmente em produção pela marca, permitindo o uso mais eficiente de sistemas como a direção semiautônoma e os assistente de estacionamento automáticos. O SUV elétrico começa a ser produzido no 2º semestre de 2021.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários