O Volvo C40 Recharge utiliza todo o conjunto mecânico do XC40 Recharge,mas é um SUV com ares de cupê
Divulgação
O Volvo C40 Recharge utiliza todo o conjunto mecânico do XC40 Recharge,mas é um SUV com ares de cupê


A Volvo segue firme na sua meta de ter só carros elétricos a partir de 2030. O fabricante sueco revelou o C40 Recharge, um SUV-cupê que é derivado do XC40 Recharge elétrico, utilitário esportivo que foi o primeiro carro de série movido a bateria feito pela marca.


Volvo C40 Recharge é fabricado sobre a plataforma modular CMA e é considerado o primeiro carro da empresa projetado apenas para contar com motorização elétrica. Com 4,431 m de comprimento, 2,035 m de largura, o modelo tem medidas quase idênticas ao XC40. A única exceção é a altura da carroceria, que no SUV-cupê é de 1,582 m. Ou 7 cm mais baixo do que o SUV.

Você viu?

O porta-malas de 413 litros, tem a mesma capacidade do compartimento de bagagens do XC40 Recharge. Capacidade que é menor do que o disponível em um XC40 a combustão (460 litros). Mas essa perda atenuada pelos 31 litros de espaço adicional sob o capô. Outros destaques no interior do C40 são o sistema multimídia desenvolvido em conjunto com a Google e que traz integrado aplicativos como o Maps e o Google Assistant.


O conjunto motriz é o mesmo oferecido pelo XC40 Recharge , composto por dois motores elétricos (um para cada eixo) que desenvolvem a potência combinada de 408 cv e 67,3 kgfm. Alimentado por uma bateria de 78 kWh, o SUV-cupê pode rodar até 420 km. 

Autonomia que poderá ser extendida posteriormente por meio de atualizações do software do modelo. No uso normal, a Volvo destaca que é possível atingir até 80% de carga com apenas 40 minutos ligado em um carregador rápido de 150 kW. O C40 acelera de 0 a 100 km/h em 4,9 segundos e chega a 180 km/h.

O novo Volvo C40 Recharge será produzido na fábrica da Volvo em Ghent (Bélgica), unidade industrial que também é responsável pela fabricação do XC40 elétrico. De acordo com a marca sueca, o SUV-cupê será disponibilizado para compra apenas pela internet.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários