Confira o balanço completo de produção e vendas internas publicado pela Anfavea (Associação Nacional das Fabricantes de Veículos Automotores)
Divulgação
Confira o balanço completo de produção e vendas internas publicado pela Anfavea (Associação Nacional das Fabricantes de Veículos Automotores)

A indústria automobilística registrou baixa de 4,7% na produção durante o mês de abril, na comparação com março. Segundo a Anfavea (Associação Nacional das Fabricantes de Veículos Automotores), foram produzidas 190,9 mil unidades, entre carros , motocicletas , caminhões e ônibus , para vendas locais e exportação.

Apesar da queda em abril, a produção de veículos automotores no acumulado de 2021 já supera o resultado de 2020 em 34,2%, com 788,7 mil unidades produzidas desde o começo do ano. As exportações também cresceram 34,7% no acumulado de 2021, na comparação com o ano anterior. Ao todo, a indústria nacional embarcou 33,9 mil veículos em abril e 129,6 mil no acumulado de 2021. 

Mercado interno

As vendas internas também cresceram no quadrimestre. Foram licenciados 175 mil veículos em abril e 703 mil no acumulado de 2021, registrando alta de 14,5% sobre os primeiros quatro meses de 2020.  Caminhões e comerciais leves , com destaques para picapes , tiveram alta acima de 40% no total de  emplacamentos de 2021, desempenho bem superior ao de ônibus (13,2% de  crescimento) e de automóveis (7,7%).

O presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes, destacou a resiliência da indústria durante a pandemia do novo coronavírus , e afirmou que as projeções de crescimento feitas em janeiro são factíveis de serem atingidas. A entidade estima para este ano crescimento de 15% nas  vendas, 25% na produção e 9% nas exportações.

O executivo também afirmou que não há risco de paralisação generalizada da indústria por conta da falta de microchips semicondutores. "Temos suspensões pontuais, de acordo com a situação de cada montadora. Podem acontecer outras nos próximos meses, dependendo dos fornecedores, mas não de forma generalizada", pontua Moraes. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários