Udelv é o novo veículo autônomo para transporte de carga que começará a operar nos EUA a partir de 2023
Divulgação
Udelv é o novo veículo autônomo para transporte de carga que começará a operar nos EUA a partir de 2023

A Udelv, uma empresa do Vale do Silício, anunciou o Transporter, seu primeiro veículo elétrico autônomo para entregas sem cabine, baseado em tecnologia da Mobileye, empresa adquirida pela Intel. O produto será apresentado virtualmente na CES 2022, que acontece de 5 a 7 de janeiro em Las Vegas (EUA).

O veículo elétrico apresenta um módulo de carga modular autônomo. Ele pode transportar até 900 kg de mercadorias, fazer até 80 paradas por ciclo em velocidades de rodovia, com alcance de 260-480 km por corrida, dependendo da opção de pacote de bateria. A sua capacidade está entre 90 e 160 kWh O carregamento rápido DC levará 45 minutos para adicionar até 354 km de alcance. A velocidade máxima é de 112 km/h.

“Este é um dia histórico para as indústrias de transporte e logística”, disse Daniel Laury, CEO e cofundador da Udelv . “O Transporter é transformador para duas das maiores indústrias do mundo: automotiva e logística. Foi criado para solucionar dois grandes desafios das frotas comerciais: a escassez de motoristas e a eletrificação de frotas”, comentou.

Conta com uma série de compartimentos para as cargas, bem como inúmeros sistemas de reconhecimento para se guiar
Divulgação
Conta com uma série de compartimentos para as cargas, bem como inúmeros sistemas de reconhecimento para se guiar

Em 2018, Udelv fez sua estreia na Califórnia com a primeira entrega autônoma em vias públicas. Desde então, a marca completou mais de 20 mil entregas para vários comerciantes na Califórnia, Arizona e Texas. A Udelv pretende ter 50 mil unidades do Transporter , conduzido pela Mobileye , em vias públicas até 2028, com os primeiros modelos sendo implementados comercialmente em 2023.

Leia Também

Leia Também

O veículo autônomo tem funções de agendar, entregar e rastrear perfeitamente e recuperar pacotes. Ele é impulsionado pelo seu sistema autodirigível com um conjunto de câmeras, LiDARs, radares e a quinta geração de EyeQ, o System-on-Chip da Mobileye para aplicações automotivas.

Para implementar rapidamente em escala, o Transporter integrará os mapas AV da Mobileye com base no Road Experience Management (REM), um mapa do mundo atualizado continuamente por crowdsourcing que digitaliza o que os veículos autônomos precisam para navegar.

“Os transportadores irão melhorar drasticamente a eficiência e segurança dos serviços de entrega e torná-las acessíveis para tudo e todos, de eletrônicos e peças de automóveis a mantimentos e suprimentos médicos”, afirmou Laury.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários