Volkswagen ID.BUZZ será lançada em 2023 e deve vir ao Brasil. Versão autônoma já está em testes
Divulgação
Volkswagen ID.BUZZ será lançada em 2023 e deve vir ao Brasil. Versão autônoma já está em testes

Uma das primeiras fabricantes a investir na eletrificação na Europa, a Volkswagen viu novas marcas dedicadas apenas a veículos elétricos passarem a sua frente no mercado de eletrificados. O lançamento da linha ID, em 2019, significava a entrada da VW no mundo dos veículos elétricos de vez.

Os dois maiores problemas da linha ID são a autonomia e a velocidade de recarga. E a apresentação da Volkswagen no Paris Electric Car Day, apontou soluções da marca para tornar seus modelos equivalentes aos rivais.

A mais recente versão do ID.4 consegue entre 360 e 520 km no ciclo WLTP (europeu), o aumento para 700 Km tornariam os veículos da Volkswagen mais atrativos.

O ID.4 atualizado também sofre na hora de recarregar, os 135 kW de velocidade ficam bem atrás dos rivais da Kia e Hyundai , por exemplo, capazdes de carregar a 350 kW por hora, pelo menos teoricamente. Pensando nisso, a Volkswagen irá aumentar a força de carregamento para 200 kW.

É provável que as melhorias apareçam no ID.4 que começará a ser produzido na planta de Chatanooga, nos Estados Unidos, ou então no ID.Buzz , a sucessora da Kombi , que deverá ser lançada em 2023 e chegar às lojas da Europa em 2024.

Leia Também

A nova VW Kombi autônoma

VW ID.Buzz: imagem mostra dos itens principais que permitem o modelo rodar sem precisar de motorista
Divulgação
VW ID.Buzz: imagem mostra dos itens principais que permitem o modelo rodar sem precisar de motorista

A Volkswagen planeja lançar pelo menos sete veículos na plataforma MEB até 2025, dos quais ID.3, ID.4. ID.6 e ID.5 já foram lançados no mercado europeu, restando ID.Buzz chegar aos concessionários.

Enquanto isso, a marca testa seu primeiro carro autônomo , que será a versão parea carga do ID.Buzz, que saiu das pistas controladas para ganhar as ruas do centro da cidade de Munique, na Alemanha, para seu primeiro teste de rodagem autônomo.

A Kombi elétrica circulou sem a intervenção de um motorista graças a uma série de recursos responsáveis por mapear trajeto e tráfego, como módulos LIDAR, múltiplos sensores e câmeras.

Durante a experimentação estavam a bordo o CEO do Grupo Volkswagen , Herbert Diess, e o diretor da Argo AI em Munique, Alex Haag, além de um piloto de testes, responsável por agir em uma situação de emergência.  

Além desses veículos, um sedã chamado até então de AERO B , está em fase de testes e é considerado pela imprensa européia como um sucessor do Passat pelas dimensões, e também um SUV compacto, chamado por enquanto de ID.Life que possui visual retrô e poderá ser o modelo de entrada da Linha ID.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários