Tamanho do texto

Maior e mais caro, o novo SUV traz as mudanças globais dos outros carros da marca. Confira o vídeo para mais detalhes do SUV que sai por R$ 169.900

Depois de muita espera, finalmente a Honda trouxe ao Brasil a nova geração do CR-V, que ficou maior, mais tecnológica e, infelizmente, mais cara. Por aqui, o carro chega apenas na versão topo de linha, com motor 1.5 turbo, de 190 cavalos, e câmbio automático do tipo CVT. Trata-se do mesmo conjunto aplicado no novo Honda Accord, que também chega ao Brasil em 2018.

LEIA MAIS: Porsche Cayenne: versão híbrida do SUV faz 17,1 km/l na cidade

Para o Honda CR-V , a marca japonesa apostou em tecnologia. A versão Touring vem com ar condicionado digital de duas zonas, bancos revestidos de couro, teto solar, painel de instrumentos em TFT, que mostra o sistema de tração integral em funcionamento, partida no botão e iluminação externa 100% de LED.

O design do CR-V acompanha as mudanças globais da marca, que no caso, parece bastante com o modelo WR-V. A frente é ligeiramente musculosa com os para-choques mais salientes, deixando a assinatura do DRL mais destacada.

LEIA MAIS: Volvo XC40 chega ao Brasil por R$ 169.950

Na traseira, a Honda optou por ressaltar a lanterna com o ombro saliente, como acontecia na geração anterior, enterrando, um filete invade o porta-malas, passando a impressão que o SUV é mais largo do que é na realidade.

Melhor e mais caro

Honda CR-V: nova geração ficou mais arrojada, bem equipada e com melhor desempenho, mas cobra pela evolução
Renato Maia/Falando de Carro
Honda CR-V: nova geração ficou mais arrojada, bem equipada e com melhor desempenho, mas cobra pela evolução

Dinamicamente vemos um carro melhor que o anterior. Derivado da plataforma do novo Civic 10, a quinta geração do CR-V ficou mais estável e rígida, passando para o motorista mais confiança em curvas e conforto. O novo motor 1.5 também auxilia bastante na condução, é um motor esperto e econômico, entretanto, a Honda aplicou a transmissão do tipo CVT, que ajuda na economia de combustível, mas não deixa tanto o motorista aproveitar o motor como numa caixa automática ou manual.

LEIA MAIS: Volkswagen Tiguan Allspace é lançado no Brasil por R$ 124.900

Outro ponto que foi alvo de críticas em relação ao Honda CR-V foi seu preço. Antes vendido no Brasil por cerca de R$ 140 mil, a nova geração do SUV chega por 169.900. Com esse valor, o público pode encontrar modelos como X1, Q3 ou GLA, que são veículos premium, mas todos eles de um porte menor e com menos itens de série.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.