Tamanho do texto

Nova geração do cupê chega ao Brasil como o único modelo da categoria com câmbio manual. Saiba mais detalhes da novidade

O Honda Civic Si sempre foi um dos esportivos mais desejados do mercado brasileiro. Um carro com boa dinâmica, engenharia avançada e toda a tecnologia japonesa. No caso da nova geração, o carro ficou ainda mais empolgante. 

LEIA MAIS: Aceleramos na pista novo Honda Civic Si, com motor turbo, de 208 cv

Com o preço de R$ 159.900, a décima geração do Honda Civic Si ficou mais cara que a anterior, entretanto, analisando em detalhes, o modelo passa a ter diversos itens que nunca vimos em um Civic esportivo no Brasil.

Pela primeira vez, o Civic Si recebeu um modo de condução: “Sport”. Isso faz com que a suspensão fique mais firme, para diminuir o arrasto da carroceria em curvas, melhora a resposta do pedal do acelerador e também deixa o volante mais pesado, tudo para transformar o cupê em um modelo para andar forte nas pistas. 

Assim como as demais versões do Civic no Brasil, a versão Si também vem com o sistema AHA, e uma das funções é o torque vetorial em curvas, que aumenta a estabilidade e não deixa o carro sair da linha da curva.

LEIA MAIS: Honda Civic Type R ganha chances de ser importado para o Brasil

Na parte estética o Civic Si chega mais uma vez ao Brasil na carroceria cupê, mas com uma melhoria em relação ao modelo vendido nos EUA. Por aqui o modelo vem com faróis de LED, o que o deixou ainda mais completo.

Rara confuguração

Honda Civic Si: cupê esportivo com câmbio manual garante boa dose de diversão ao volante numa rara combinação
Renato Maia/Falando de Carro
Honda Civic Si: cupê esportivo com câmbio manual garante boa dose de diversão ao volante numa rara combinação

Como não poderia faltar, o Civic Si nessa décima geração vem equipado com um motor 1.5 turbo, com 208 cavalos de potência e 26,5 kgfm de torque máximo. Assim como todos os Si que foram vendidos aqui, o câmbio é manual de seis marchas. De acordo com a Honda, esse modelo chega aos 100 km/h em 7,5 segundos e atinge um pouco mais que 230 km/h de velocidade máxima.

LEIA MAIS: Honda Civic Sport: como anda a versão mais simples e divertida

No Brasil, esportivos desse são bem escassos. Hoje, como concorrente direto do Honda Civic Si temos o Golf GTI, que tem motor 2.0, turbo, de 220 cavalos, que funciona com câmbio de seis marchas e dupla embreagem. O que a Honda diz, faz todo sentido quando andamos no carro: a pegada do Si não está em mostrar números, mas saber o quanto é divertido andar em um esportivo manual.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.