Audi Q5 2022: versão híbrida do SUV de luxo vem com motor 2.0 de  252 cv e outro elétrico de 143 cv
Divulgação
Audi Q5 2022: versão híbrida do SUV de luxo vem com motor 2.0 de 252 cv e outro elétrico de 143 cv

A Audi ganha mais um reforço para disputar no mercado dos eletrificados. O Audi Q5 55 TFSI e-quattro é lançado nas versões Performance (R$ 413.990), Performance Black (R$ 439.990), Sportback Performance (R$ 443.990) e Soortback Performance Black (R$ 469.990). Os preços divulgados até então são apenas na modalidade de vendas diretas.

Além do visual renovado do Audi Q5 híbrido , a melhoria da eficiência é o destaque da novidade. Chega equipado com baterias de lítio de 14,1 kWh montadas sob o assoalho. O SUV pode ser plugado em tomada de 220V por seis horas, tempo suficiente para que as suas 104 células, com 381 volts, possam ser completamente carregadas. Em uma estação de carga rápida, com 400V , o tempo cai para 2,5 horas.

O Audi Q5 híbrido equipado com o motor 2.0 TFSI de 252 cv e 37,7 kgfm, que trabalha junto com um motor elétrico de 143 cv e 35,5 kgfm, gerando 367 cv e 50,8 kgfm de forma combinada. O movimento chega às quatro rodas, de forma integral, por meio de um câmbio automatizado de dupla embreagem S tronic de sete marchas.

Com isso, o Audi Q5 55 TFSI e-quattro vai de 0 a 100 km/h em 5,3 segundos com máxima de 239 km/h. Se for conduzido apenas com energia, o utilitário esportivo de luxo pode alcançar até 135 km/h. O consumo médio é de 47,6 km/l de gasolina.

Fato interessante é que, caso os sistemas inteligentes da tração do carro detectem que não há necessidade de enviar o movimento às quatro rodas , ele pode ser automaticamente desativado. Assim que necessário, o sistema também volta a funcionar de forma automática.

O Audi Q5 55 TFSI e-quattro tem os modos de condução Hybrid, EV e Battery Hold. Está última funcionalidade serve para recarga mais eficiente da bateria. O SUV tem, ainda, controle de cruzeiro adaptativo, faróis de LED, ar condicionado tri zone, cluster digital, HUD, bancos esportivos, rodas de liga leve de 18 polegadas, aviso de saída de faixa, lanternas com três tipos de assinaturas, teto solar bipartido, entre outros.

Quando nos aprofundamos melhor nos itens de conectividade, encontramos a central multimídia MMI Plus, que tem uma tela de 10,1 polegadas. Ela é capaz de fazer o gerenciamento do veículo , além de contar com sistema de pareamento com smartphone, sem fio para o iPhone, e com sistema operacional CarPlay (com fio) para Android Auto.

Além disso, conta com um painel digital de 12,3 polegadas. O sistema traz algumas modificações em relação a motorização a combustão. Entre elas, a interface de regeneração das baterias.

Nas nossas primeiras impressões ao volante, chama bastante atenção a forma como o carro acelera. A velocidade se desenvolve rapidamente, mas de forma progressiva. Tanto quando estávamos dirigindo, quanto no passageiro, não sentimos qualquer sensação de desconforto.

Falando em conforto, a suspensão segue a mesma característica das acelerações. Ela é bem macia e não deixa de lado a boa comunicação ao volante. Junto da tração integral , o sistema multilink de molas e amortecedores é bem calibrado para lidar com o peso e com o desempenho do SUV.

Preços (na modalidade venda direta):

Performance (R$ 413.990)

Performance Black (R$ 439.990)

Sportback Performance (R$ 443.990)

Soortback Performance Black (R$ 469.990)

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários