Kawasaki Ninja 1000 SX
Divulgação
Kawasaki Ninja 1000 SX: modelo com forte apelo esportivo substitui a Ninja 1000 e pode vir ao Brasil em breve


A Kawasaki anunciou recentemente o lançamento no Brasil da linha 2021 da Ninja 650. Mas ainda não há previsão para a chegada por aqui da nova Ninja 1000 SX, revelada em abril na Ásia e que substitui a Ninja 1000, modelo que já não pode ser mais encontrado nos concessionários no Brasil.


A nova Ninja 1000 SX traz um visual renovado com uma carenagem de estilo mais esportivo, novos assento e para-brisa, faróis de LED e um painel com tela TFT de 4,3" que exibe informações do celular do piloto via bluetooth, o que contribui com a ergonomia e a segurança.

A lista de mudanças inclui ainda novos pneus e suspensão recalibrada, além da incorporação de um seletor de modos de condução com três opções de acerto fixos (road, sport, rain) e o modo ride, que é personalizável, de acordo com as informações preliminares da fabricante.

Mais detalhes da Kawasaki Ninja 1000 SX


Assim como a Ninja 1000 2020, que era oferecida no Brasil, a Ninja 1000 SX já disponível no exterior também conta com o pacote Touring , que é caracterizado pela presença dos baús laterais,feitos para levar pequenos objetos durante a viagem, projetados para não prejudicar a parte aerodinâmica.

O motor da Ninja 1000 SX é um quatro cilindros em linha de 1.043 cm³, refrigerado a água, que entrega 141,4 cv e 11,3 kgfm, com câmbio de seis marchas acoplado a uma embreagem auxiliar e deslizante e assistido pelo Kawasaki Quick Shifter KQS. O sistema de transmissão inclui a tradicional corrente em vez de eixo cardã.

Entre as principais rivais da Ninja 1000 SX podem estar incluídos os modelos BMW R 1250 RS, Yamaha FJR1300ES, KTM 1290 Super Duke GT e Ducati Multistrada 1260. Mais detalhes da novidade da marca japonesa serão divulgados em breve.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários