Nova cor da Suzuki GSX-R1000R ainda não foi confirmada no Brasil, onde modelo parte de R$ 94.800
Divulgação
Nova cor da Suzuki GSX-R1000R ainda não foi confirmada no Brasil, onde modelo parte de R$ 94.800

A Suzuki GSX-R1000R ganha nova combinação de cores na linha 2022, apostando na tonalidade cinza fosco para a carenagem e azul escuro nas rodas. A combinação ainda não foi anunciada no Brasil, onde o modelo parte de R$ 78.900 na versão GSX-R1000A e pode chegar a R$ 94.800 na versão GSX-R1000R. 

A nova combinação de cores é a única novidade do modelo, que não conta com maiores mudanças na comparação com a GSX-R1000R disponível no Brasil. O motor é de 999,8 cm³, com refrigeração líquida e duplo comando de válvulas no cabeçote. Segundo a fabricante, pode desenvolver 202 cv de potência a 13.200 rpm e 12 kgfm de torque a 10.800 rpm.

O chassi da GSX-R1000R é do padrão dupla longarina, com peças em alumínio fundido. A suspensão dianteira é telescópica invertida, com mola helicoidal e amortecimento hidráulico, enquanto a traseira traz o padrão articulado.

O freio dianteiro é de duplo disco com pinça de 4 pistões, enquanto o traseiro é de disco único, com pinça de um pistão e acionamento por ABS. O modelo esportivo roda em pneus do tipo 120/70ZR17 na dianteira e 190/55ZR17 na traseira. Em ambos os casos, as rodas são de liga leve, aro 17.

Em suas proporções, a motocicleta esportiva tem 2,07 metros de comprimento, 705 cm de largura, 1,10 m de altura e 1,40 m de distância entre-eixos. O peso seco é de 189 kg, enquanto o peso bruto total é de 390 kg. O tanque de combustível tem capacidade para 16 litros.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários