Tamanho do texto

O carro voador nasceu a partir da imaginação humana, engenharia avançada e tecnologias futuristas, que a marca alemã desenvolve para seus carros

Se hoje se fala nos carros autônomos quanto ao futuro dos automóveis, o que se espera de um carro autônomo e voador? A Audi, a fabricante de aviões Airbus e a Italdesign estão pensando mais longe, com o conceitual Pop.Up Next, que apresentam no Salão de Genebra (Suíça). O carro voador nasceu a partir da imaginação humana e a engenharia avançada, uma vez que somente com tecnologias futuristas é que o projeto conseguiu sair do papel. Desse modo, é a própria Audi quem está auxiliando no desenvolvimento das baterias e no sistema de direção autônoma, tecnologia similar a que está desenvolvendo para os seus modelos de produção.

LEIA MAIS: Ônibus anfíbio faz sucesso na Alemanha. Assista ao  vídeo dele em ação

Com pouco mais de 2,5 metros de comprimento, a cabine do carro voador tem capacidade para dois passageiros e pode ser acoplada tanto a uma base sobre rodas como a um módulo de voo. No interior, não há volante ou manche, bem como todos os comandos são feitos por voz, reconhecimento facial e também por meio de toques na enorme tela de 49 polegadas. O módulo de vôo tem 4,40 metros de comprimento e é movido por 8 motores elétricos, que produzem um total de 217 cavalos e sustentam uma autonomia de 50 km. Já a sua base, tem 3,12 metros de comprimento e pesa cerca de 200 kg. A tração é traseira e a potência apenas do motor elétrico é de 82 cv, capaz de garantir uma autonomia de 130 km.

LEIA MAIS: Mercedes mostra van elétrica que faz entregas sozinha. Assista ao vídeo

Com quem dividirá o espaço aéreo

Além do Pop.Up Next, o Salão de Genebra exibe o carro voador holandês da Pal-V. Com entregas programadas para este ano, a fabricante diz que este é o primeiro carro comercial do mundo que consegue voar. As primeiras 90 unidades, chamadas de Pioneer Edition, são uma série especial de lançamento, vendidas por R$ 1,8 milhão. A Pal-V afirma que vai de 0 a 100 km/h em 9 segundos e tem velocidade máxima de 160 km/h, além de ter capacidade de voar a 3 mil metros do chão - ou cerca de 1/3 da altura alcançada por um avião comercial - e ter autonomia de voo para percorrer uma distância que equivale a rota Rio-São Paulo.

LEIA MAIS: Carro voador começa a ser vendido nos EUA por US$ 400 mil. Veja vídeo

PAL-V Liberty: O carro voador holandês
Divulgação/PAL-V
PAL-V Liberty: O carro voador holandês

O carro voador conta com hélices como as de um helicóptero, que são recolhidas quando está em solo, ao rodar como um carro qualquer. Para pilotar um desses, é necessário tanto a habilitação para carros como para voar. O procedimento de decolagem é um pouco complexo, uma vez que não sobe verticalmente, como um helicóptero. Por isso, não é permitido decolar em vias públicas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.