Novo SUV da Mazda é revelado no Salão de Genebra 2019

Batizado de CX-30, é intermediário entre o SUV compacto CX-3 e o médio CX-5. Entretanto, os seus maiores destaques são suas novas tecnologias

Mazda CX-30:  novo SUV da Mazda que estreia novas tecnologias no Salão de Genebra 2019
Foto: Divulgação
Mazda CX-30: novo SUV da Mazda que estreia novas tecnologias no Salão de Genebra 2019

Um novo SUV da Mazda acaba de chegar ao Salão de Genebra 2019. Trata-se de um intermediário entre o compacto CX-3 e o médio CX-5, mas que traz as últimas tecnologias da marca. Batizado de CX-30, chegará ao mercado europeu no meio deste ano. As estimativas de preço giram em torno dos R$ 78 mil e dos R$ 93 mil, em conversões diretas.

LEIA MAIS: Conceito elétrico da Seat antecipa futuro modelo da Volkswagen 

Segundo a Mazda afirmou no Salão de Genebra 2019 , o visual tem como objetivo adotar linhas dinâmicas, e acima de tudo, ser totalmente condizente com o dia-a-dia do consumidor. “O Mazda CX-30 vai ser produzido em fábricas ao redor do mundo para garantir prazer ao dirigir e ser condizente com a identidade de todos os perfis consumidores. O que a gente quer é, justamente, ser a marca com mais ligação entre carro e proprietário.”, afirma Akira Marumoto, presidente e CEO da Mazda.

LEIA MAIS: Skoda Kamiq europeu antecipa características do SUV médio da VW 

Você viu?

Mais destaques do Mazda do Salão de Genebra 2019

Foto: Divulgação
Visitantes do Salão de Genebra 2019 vão ver que seu interior traz ares minimalistas, um dos únicos 'da espécie' atualmente

O interior, por sua vez, foi pensado para otimizar o espaço interno, aprimorar a visibilidade da estrada, bem como facilitar a entrada e a saída do veículo. Quanto aos seus equipamentos, traz sistema multimídia que pode ser controlado por um botão rotativo no console central, bem como suas características minimalistas são, segundo a Mazda, a marca registrada da filosofia de design “Kodo”, que passa a sensação de simplicidade e conforto.

LEIA MAIS: Nova geração do Mercedes-Benz GLC está confirmada para o Salão de Genebra

Quanto à sua mecânica, traz um dos motores à combustão mais modernos e eficientes do mundo, com a tecnologia Skyactiv-X. Apesar de ainda não ter as espicificações técnicas reveladas, espera-se que utilize os últimos motores da marca, que equipam o Mazda3 . São eles o 1.5, 0 2.0 e o 2.5 à gasolina, além do 1.8 que funciona com diesel. Além disso, o sistema de tração integral deve ser o outro opcional para o SUV.

LEIA MAIS: VW antecipa imagens e detalhes do novo SUV T-Roc R, atração em Genebra 

Informações recentes indicam que a marca tem interesse em voltar ao país. Há planos até mesmo para produção nacional. A partir do início dos anos 90 até novembro de 2000, vendeu alguns modelos aqui no Brasil. Entre eles, os sedãs 626 e Protegè , para tentar competir com Toyota e Honda, e os esportivos MX-3 e MX-5, grandes destaques da década. Quando a Ford comprou a marca em 1996, decidiu encerrar sua participação no país para diminuir a concorrência interna. Caso volte às nossas terras, definitivamente terá algum destaque com a linha dos SUVs do Salão de Genebra 2019 .