SUV do Argo vermelho
Projeção/Kleber Silva
Projeção do SUV feito com a base do Fiat Argo mostra que o estilo arrojado será um dos pontos fortes do carro

A Fiat quer recuperar o tempo perdido no qual esteve fora do segmento de utilitários esportivos. Durante coletiva de imprensa, o CEO da FCA da América Latina, Antonio Filosa, revelou que a marca terá dois novos SUVs no Brasil em breve. Um deles será lançado no primeiro semestre de 2021 e o outro ficará para o final do ano, podendo ser adiado para o início de 2022.

LEIA MAIS: Confira detalhes sobre o novo SUV da Fiat baseado na Toro

O que chega primeiro é o SUV do Fiat Argo , cuja projeção do designer Kleber Silva mostra como deverá ficar o novo modelo que custará menos que o Jeep Renegade e contará com os novos motores 1.0 e 1.3 turbo que serão feitos em Betim (MG), a partir da segunda metade desse ano de 2020. A aposta é que a novidade terá ares de cupê, assim como o VW Nivus, baseado no Polo, que chega até junho às lojas.

Os desenhos mostram que o estilo arrojado e atraente do SUV do Fiat Argo será um dos pontos fortes do carro, que herda traços da bem sucedida picape Toro, o que pode ser visto por detalhes como a grade dianteira e o grupo ótico frontal, bem como na alta linha de cintura e nos vincos tanto do capô quanto das laterais.

Fiat SUV vermelho
Projeção/Kleber Silva
Fiat SUV terá ares de cupê, assim como o VW Nivus, que chega no primeiro semestre de 2020


Tanto o SUV do Argo quanto a versão de produção do Fiat Fastback serão frutos de um investimento de R$ 14 bilhões que será aplicado pela FCA na América Latina até 2024. A empresa acredita que o mercado na região irá crescer em torno de 1,5% e que, apenas no Brasil, em 2020, as vendas irão ter alta de 6%.

LEIA MAIS: FCA terá Renegade e Compass híbridos no Brasil; 500 será elétrico

Entre outros fatores, esse crescimento, ainda de acordo com as projeções da FCA, será sustentado pelo aumento das vendas financiadas por conta do acesso mais fácil ao crédito. Entretanto, em mercados vizinhos, como o argentino, a marca prevê que ainda haverá dificuldades, com queda de 10 a 15% em 2020. 

Além do SUV do Fiat Argo

Fiat Strada cinza
Divulgação
Fiat Strada 2021 chega em abril e será a primeira picape do segmento a ter versão de quatro portas


Mesmo assim, com um SUV mais democrático e novos motores turbo, a Fiat deverá ter alta nas vendas e recuperar pelo menos boa parte da participação de mercado que tinha na América Latina até meados da década passada. O que também deverá ajudar é a nova geração da picape Strada , que chegará em abril próximo, como o primeiro modelo do segmento com quatro portas e uma série de novidades.

Nos planos da FCA na América Latina também estão incluídas as reestilizações das linhas da picape Toro e dos compactos Argo e Cronos, modelos que também vão receber novas centrais multimídia, possivelmente com opção de acesso à internet, assim como a GM começou a disponibilizar no Cruze e em toda linha do novo Onix.

LEIA MAIS:Nova Fiat Strada 2021 aparece em primeira imagem oficial

E para completar, além do SUV do Fiat Argo , a marca não vai ficar de fora do incipiente (e promissor) mercado de modelos eletrificados no Brasil. Já está confirmado que o pequeno 500 voltará ao País, mas dessa vez apenas na versão elétrica e renovada.

Projeções: Kleber Silva

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários