Ford mostra teaser do novo EcoSport, previsto para o segundo semestre. Confira mais informações e fotos da versão renovada do SUV

Teaser do Ford EcoSport no site da marca, adiantando o lançamento do SUV compacto renovado
Reprodução/Ford
Teaser do Ford EcoSport no site da marca, adiantando o lançamento do SUV compacto renovado

Após muito tempo de espera, a Ford finalmente inicia a divulgação do novo EcoSport no Brasil. O SUV já aparece no site oficial da marca, na seção de Futuros Lançamentos, com três imagens que adiantam algumas das mudanças. Deve ser revelado ao público latino durante o Salão de Buenos Aires, no mês de junho, mas chegará às concessionárias brasileiras no segundo semestre do ano – repetindo a estratégia de divulgação conta-gotas de 2012.

LEIA  MAIS:  Ford mostra EcoSport renovado na China e antecipa como será o brasileiro

A versão renovada da segunda geração do EcoSport aposta em um novo design, alterando o tamanho e posição da grade frontal e aumentando os faróis.  Além disso, as luzes de neblina têm novo formato. Como o projeto foi feito para o estepe ficar na traseira, não será dessa vez que o pneu sobressalente será retirado da tampa do porta-malas (nos EUA, ele será vendido com kit de reparos).

Redesenhar o interior foi muito mais importante. Perde o sistema SYNC, com aquela pequena tela azul e grandes botões de controle. No seu lugar fica uma tela sensível ao toque pulando para fora do painel, de forma semelhante aos modelos da Mercedes-Benz. Utiliza o moderno SYNC 3, capaz de interagir com celulares via Android Auto e Apple CarPlay. O cluster tem novo desenho e recebeu outra tela para o computador de bordo.

LEIA MAIS:  5 carros que ditaram as atuais tendências de mercado no Brasil 

Troca de motores

A Ford irá aproveitar o momento para trocar o motor 1.6 Sigma do EcoSport por um novo. Será o 1.5 Dragon, um tricilíndrico, capaz de gerar 137 cv e 16,2 kgfm de torque, uma adaptação do 1.5 EcoBoost do Fiesta europeu, só que sem o turbo e a injeção direta – a marca usou a mesma estratégia para criar o 1.0 utilizado no Ka. Promete ser 5% mais econômico do que o 1.6, embora ainda não tenham revelado dados de consumo. Já o 2.0 receberá injeção direta, elevando sua potência para 178 cv (como no Focus).

LEIA MAIS:  Ford Fiesta brasileiro terá apenas o desenho da nova geração vendida na Europa

Sabe o polêmico câmbio automatizado PowerShift?  Pois bem,  deixará de ser oferecido no EcoSport, que adotara uma caixa automática de seis marchas. Essa troca será feita aos poucos em toda a linha da Ford e o próximo deve ser a nova geração do Focus, prevista para estrear no Brasil no fim do ano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.