Tamanho do texto

Falha no airbag do passageiro leva a mais um recall de carros da Honda no Brasil. Confira mais detalhes sobre os modelos incluídos na convocação

A segunda geração do Honda Fit é uma das convocadas por ainda serem equipadas com os airbags mortais da Takata
Divulgação
A segunda geração do Honda Fit é uma das convocadas por ainda serem equipadas com os airbags mortais da Takata

Os airbags da empresa Takata continuam a motivar recalls. A Honda anuncia mais uma convocação envolvendo 34.530 unidades dos modelos Accord , City , Civic e Fit . É a segunda vez que a marca convoca esses modelos no período de um ano, desde que a fabricante anunciou uma campanha de chamamento global para 21 milhões de automóveis – o recall anterior foi de 325.130 veículos no Brasil.

LEIA MAIS: Honda City renovado aparece ao vivo antes de chegar às lojas. Veja fotos

Assim como todos os outros airbags defeituosos da Takata, as bolsas infláveis nos veículos convocados pela Honda podem disparar fragmentos metálicos na direção dos passageiros. O defeito é causado pela deterioração do nitrato de amônia, componente químico utilizado para inflar o airbag. Se afetado, o componente pode acionar o equipamento com mais força do que deveria, rompendo a estrutura de forma a dispará-la contra os ocupantes.

Os modelos convocados são de gerações mais antigas. O Civic, por exemplo, tem data de fabricação entre novembro de 200 e junho de 2002. Os proprietários devem entrar em contato com uma concessionária para agendar a trocar do insulflador do airbag. O serviço leva cerca de uma hora e começará a ser realizado a partir do dia 30 de janeiro, sem que nenhuma cobrança seja feita para o cliente.

LEIA MAIS: Honda WR-V aparece pela primeira vez. Estreia no início de 2017

Para mais informações, entre em contato com a Honda  por meio do site ou pelo telefone 0800 701 3432, de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h.

Airbag defeituoso

É de extrema importância que os proprietários dos veículos convocados atendam a campanha de recall. Os airbags da Takata não ganharam a alcunha de “mortíferos” à toa. Foram confirmadas 16 mortes causadas pelos fragmentos disparados pelas bolsas infláveis defeituosas, além de muitos outros feridos. Ao todo, quase 100 milhões de airbags tiveram que ser substituídos mundialmente, afetando veículos desde a Honda e Nissan até BMW, Audi , Mercedes-Benz e Ferrari .

LEIA MAIS:  Honda City, Fit, e HR-V ficam mais caros na linha 2017

Confira os códigos de chassis não-sequenciais e a data de fabricação dos modelos envolvidos no recall da Honda:

Modelo

Data de fabricação

Código de chassis

Accord

2 de agosto de 2011 a
26 de janeiro de 2012

CC200005 a CC200319

City

28 de junho de 2011
a 9 de abril de 2012

CZ200001 a CZ214820

Civic

28 de novembro de 2000
a 21 de junho de 2002

1Z000024 a 1Z015295
2Z101243 a 2Z116630

Fit

22 de junho de 2011
a 14 de março de 2012

CZ100001 a CZ112418

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.