Tamanho do texto

Em sua oitava edição, Salão de Buenos Aires abre as portas no dia 9 de junho. Veja 10 novidades que estarão no evento e que virão ao Brasil

Há quem diga que o Salão de Buenos Aires (Argentina) é uma segunda edição do Salão do Automóvel de São Paulo, por conta da quantidade de lançamentos que estreiam lá para depois chegar ao Brasil. Neste ano, em sua oitava edição, não será diferente. Alguns dos carros serão apresentados pela primeira vez na América Latina em sua versão definitiva, com passaporte carimbado para cá.

LEIA MAIS: Argentina elimina impostos para carros híbridos e elétricos

Além de estreias exclusivas de alguns modelos já confirmados para o Brasil, o Salão de Buenos Aires tem outros produtos que estão apenas previstos para o mercado brasileiro (embora as fabricantes afirmem que não há planos). Parte deles inclusive já começou a ser vendido para os hermanos, importados da Europa ou Ásia. Confira os 10 carros mais importantes que serão apresentados na Argentina :

Chevrolet Equinox

A avant-première do Chevrolet Equinox acontece um dia antes do Salão de Buenos Aires, aparecendo para o público logo em seguida no evento. Chega no segundo semestre
André Jalonetsky/iG Carros
A avant-première do Chevrolet Equinox acontece um dia antes do Salão de Buenos Aires, aparecendo para o público logo em seguida no evento. Chega no segundo semestre

Já falamos sobre o Chevrolet Equinox algumas vezes, desde que a marca revelou no Salão de Detroit (EUA), em janeiro, que seria seu principal lançamento de 2017. O SUV médio chegará ao Brasil no segundo semestre, para aposentar o Captiva e brigar de frente com o Jeep Compass. Virá do México, mas pode acabar produzido na Argentina, aproveitando que usa a mesma plataforma que o Cruze. Conta com os motores 1.5 turbo de 173 cv, 2.0 turbo de 256 cv e 1.6 turbodiesel de 137 cv.

Citroën C4 Cactus

Há tempos circulando entre rumores, a Citroën deve lançar o C4 Cactus no Brasil no final de 2017
Divulgação/Citroën
Há tempos circulando entre rumores, a Citroën deve lançar o C4 Cactus no Brasil no final de 2017

O polêmico SUV compacto da Citroën chegou às concessionárias argentinas no início do mês. Ainda assim, dará as caras no Salão para chamar a atenção dos clientes com seu design. Por aqui, conforme adiantado por iG Carros, o Grupo PSA trabalha com uma data de lançamento para o final deste ano. O modelo disponível na argentina vem com o motor 1.2 turbo, um pequeno tricilíndrico de 110 cv e 25,4 kgfm de torque, com transmissão automática de seis marchas. Está disponível em versão única, por 448 mil pesos (cerca de R$ 91,7 mil).

Ford EcoSport

Previsto para o fina lde julho, o Ford EcoSport renovado ganha novo motor 1.5 e interior mais refinado
André Jalonetsky/iG Carros
Previsto para o fina lde julho, o Ford EcoSport renovado ganha novo motor 1.5 e interior mais refinado

Demorou, mas finalmente a Ford começa a mostrar o EcoSport, na estratégia conta-gotas – seu lançamento é previsto apenas para o final de julho, chegando às lojas em agosto. Estreia novo design, baseado em outro crossover da marca, o Escape (SUV do Focus). Resolve uma das maiores críticas, abandonando o ultrapassado sistema SYNC (aquele da telinha azul minúscula), recebendo uma tela sensível ao toque de 7 polegadas e o sistema SYNC 3. O motor 1.6 sai de linha, substituído pelo novo 1.5 Dragon, de 137 cv e 16,2 kgfm.

Peugeot 5008

O Peugeot 5008 é uma das novidades da marca para a Argentina - e já aparece em testes no Brasil
Divulgação
O Peugeot 5008 é uma das novidades da marca para a Argentina - e já aparece em testes no Brasil

Flagrado recentemente no Brasil, o Peugeot 5008 será o modelo topo de linha da marca francesa. Previsto para chegar à Argentina no segundo semestre, deve estrear no Salão de Buenos Aires, como uma dos sete novidades prometidas até o fim de 2017. Por aqui, deve pintar no final do ano, para se distanciar o lançamento do novo 3008 (marcado para a segunda quinzena de junho). Grandalhão, o 5008 tem 4,64 metros de comprimento. Embora tenha quatro opções de motores na Europa, aqui ele deve contar com o velho conhecido 1.6 THP de 165 cv.

LEIA MAIS: Peugeot 5008 é flagrado em testes no Brasil

Renault Alaskan

Apesar do design diferente, a Renault Alaskan é basicamente a Nissan Frontier com outra cara. Será feita na Argentina e chega às lojas em 2018
divulgação/Renault
Apesar do design diferente, a Renault Alaskan é basicamente a Nissan Frontier com outra cara. Será feita na Argentina e chega às lojas em 2018

A primeira picape média da Renault, a Alaskan compartilha plataforma com a Nissan Frontier, que será produzida na Argentina a partir deste ano. A fábrica em Santa Isabel será utilizada para produzir também a Alaskan e, futuramente, a Mercedes-Benz Classe X (mais uma com a mesma base). Apesar de ter lançamento previsto para 2018, será mostrada no evento para já adiantar a novidade. É basicamente a mesma coisa que o modelo da Nissan, mudando apenas a frente e o logotipo no volante. Usa o motor 2.3 biturbo diesel de 190 cv, 2.5 turbodiesel de 160 cv e 190 cv e, futuramente, o 2.5 a gasolina de 160 cv.

Renault Koleos

Importado da Coreia do Sul, o Renault Koleos estará nas concessionárias no segundo semestre, vendido em versão única
Divulgação
Importado da Coreia do Sul, o Renault Koleos estará nas concessionárias no segundo semestre, vendido em versão única

Já deveríamos ter o Renault Koleos nas concessionárias brasileiras, mas o cronograma atrasou e ficou para o segundo semestre deste ano. O SUV chega importado da Coreia do Sul em versão única, com preço estimado entre R$ 150 mil e R$ 160 mil. Terá o motor 2.5 de 172 cv e tração integral, abastecido apenas com gasolina. Por ter apenas uma configuração, virá o mais equipado possível, com faróis full-LED, assistências de segurança e de estacionamento e som de alta fidelidade.

Renault Kwid

Com preço estimado de R$ 30 mil, o Renault Kwid será a volta da marca francesa aos carros mais baratos (embora chame o modelo de SUV de entrada)
Divulgação
Com preço estimado de R$ 30 mil, o Renault Kwid será a volta da marca francesa aos carros mais baratos (embora chame o modelo de SUV de entrada)

Novo carro de entrada da Renault, o Kwid estará em Buenos Aires em sua versão definitiva.  A fabricante irá iniciar a pré-venda do compacto um dia antes do evento, revelando os preços na coletiva do dia 9. Apesar da declaração do presidente da Aliança Renault-Nissan, Carlos Ghosn, de que não buscariam um preço muito baixo, tudo indica que será vendido por cerca de R$ 30 mil. Será o primeiro carro popular do Brasil a vir com quatro airbags de série (frontais e laterais). Seu motor será o 1.0 SCe, de 82 cv, o mesmo usado em Sandero e Logan.

Toyota C-HR

Os argentinos devem receber o Toyota C-HR em sua versão híbrida, enquanto esperamos pela produção local em Sorocaba (SP)
Divulgação
Os argentinos devem receber o Toyota C-HR em sua versão híbrida, enquanto esperamos pela produção local em Sorocaba (SP)

Os argentinos irão conhecer o Toyota C-HR, SUV compacto da marca japonesa, antes de nós (o conceito do Salão do ano passado não conta).  Estará no evento em sua versão híbrida, com motor 1.8 de 98 cv, a gasolina, e outro elétrico de 72 cv. Já foi visto pelos hermanos, inclusive com imitações das placas usadas por lá (com o novo padrão Mercosul), gravando um comercial. Sua chegada na Argentina é motivada pela nova política do governo para híbridos e elétricos. No Brasil, deve aparecer apenas em 2018, esperando pela renovação da fábrica em Sorocaba (São Paulo) para que possa produzir veículos com a plataforma TNGA, a mesma do híbrido Prius e da futura geração do Corolla.

Volkswagen Amarok V6

Reestilizada em 2016, o Volkswagen Amarok finalmente receberá o novo motor 3.0 V6 diesel de 224 cv
Divulgação
Reestilizada em 2016, o Volkswagen Amarok finalmente receberá o novo motor 3.0 V6 diesel de 224 cv

Assim como o Citroën C4 Cactus, a versão V6 da Volkswagen Amarok foi lançada recentemente – mais exatamente no dia 6 de junho. A marca havia prometido que essa motorização chegaria ao Brasil na metade do ano. Atrasou um pouco por conta do lançamento na Argentina, onde é produzida. O novo motor é o 3.0 V6 turbodiesel de 224 cv e 56 kgfm de torque, criado para substituir o 2.0 TDi, envolvido no escândalo de fraude de emissões. Acabarão convivendo, com o V6 reservado para a versão topo de linha.

LEIA MAIS: Novo Tiguan tira nota máxima em teste de colisão na Europa

Volkswagen Tiguan Allspace

Programado para chegar ao Brasil no início de 2018, o Volkswagen Tiguan Allspace é a versão de sete lugares da nova geração do SUV
Volkswagen Tiguan Allspace
Programado para chegar ao Brasil no início de 2018, o Volkswagen Tiguan Allspace é a versão de sete lugares da nova geração do SUV

A nova geração do Volkswagen Tiguan fará sua estreia na América Latina durante o Salão de Buenos Aires. Ficou maior do que o atual, com uma versão de sete lugares chamada Allspace – justamente a que chegará ao Brasil no início do ano que vem. Com a plataforma do Golf, ficou mais longo, alcançando os 4,70 metros de comprimento. Utiliza o motor 2.0 turbo, em versões de 180 cv e 220 cv (ainda não definiram qual será a versão brasileira), combinado ao câmbio automático de seis marchas. Enquanto isso, a geração antiga continuará em produção, com o nome de Tiguan Limited, com motor 1.4 TSI de 150 cv.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.