Tamanho do texto

Até janeiro do ano que vem, modelo estará disponível apenas com câmbio manual. Confira as novidades que a JAC está preparando para o T40

JAC T40: linhas harmoniosas e foco no relação entre custo e benefício entre os principais atrativos
Divulgação
JAC T40: linhas harmoniosas e foco no relação entre custo e benefício entre os principais atrativos

Fontes ligadas à JAC Motors afirmam que o SUV T40 receberá novo motor 1.6 na versão automática CVT. Ainda durante o evento de lançamento do JAC T40, a marca chinesa já havia declarado que a versão automática do novo utilitário esportivo compacto chegaria ao Brasil em janeiro de 2018, por cerca de R$ 63 mil, porém, nada foi dito a respeito do motor na ocasião.

LEIA MAIS: JAC T40 aposta em preço competitivo na briga dos SUVs compactos

Ainda de acordo com a mesma fonte,  o motor 1.6 não deverá ficar muito distante do atual 1.5 quando o assunto é potência - "o motor 1.5 flex rende 127 cv quando abastecido com etanol: O grande trunfo do JAC T40 CVT estará o torque", nos foi revelado.  

Para quem já dirigiu o T40, a notícia soa como música aos ouvidos. Apesar dos 127 cv de potência do  motor 1.5 empurrarem bem o SUV compacto, de 1.155 kg, o desempenho não chega a emocionar. Não que o carro seja lento, mas falta um pouco de força nos trechos de subida, em estradas. E ainda durante o test-drive de lançamento, questionamos se a motorização teria fôlego suficiente para equipar um modelo CVT.

LEIA MAIS: JAC Motors lançará picape média no Brasil em 2018

Apostando alto

Por dentro, o destaque fica por conta da central multimídia, com tela sensível ao toque e ao bom acabamento
Divulgação
Por dentro, o destaque fica por conta da central multimídia, com tela sensível ao toque e ao bom acabamento

Avaliada em R$ 58.990, a versão Pack 3 -  a única disponível no momento - traz câmbio manual, mas possui uma boa gama de equipamentos de série quando comparamos com os rivais. O acabamento, que costuma ser um dos pontos de deslize das marcas chinesas, agrada tanto na variedade quanto na qualidade dos materiais escolhidos. Tem até acabamento em imitação de couro no console central. Há também um honesto kit multimídia, de oito polegadas, e câmera de ré com todas as funções básicas, mas sem aplicativo de navegação (GPS).

LEIA MAIS: Conheça cinco SUVs que vão chegar ao Brasil até o final do ano que vem

Apesar do bom espaço interno, o terceiro passageiro vai um pouco apertado no banco traseiro do T40. Mas o porta-malas de 450 litros é de bom tamanho e maior que o de alguns rivais, sendo 95 litros acima  do Peugeot 2008 (R$ 14 mil mais caro em sua versão básica).

Além da versão CVT, que chegará em janeiro, a JAC também prepara uma versão mais em conta do T40. Se o cliente não fizer questão do kit multimídia e da câmera de bordo frontal, poderá optar pela versão Pack 2, que chega em novembro, por R$ 56.990. O Grupo SHC espera vender 300 unidades do JAC T40 por mês, e tem planos de nacionalizar o crossover em 18 meses.

Traseira também vem com estilo moderno, um dos principais atrativos do carro, que poderá ser nacionalizado, até 2019
Divulgação
Traseira também vem com estilo moderno, um dos principais atrativos do carro, que poderá ser nacionalizado, até 2019


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.