Tamanho do texto

Prestes a ser revelado oficialmente, no início do ano que vem, hatch médio aparece com uma série de mudanças no visual

Ford Focus 2018: o carro é a cara que a Ford projeta para a próxima década, seguindo a tendência mundial de design
Reprodução/Ferd
Ford Focus 2018: o carro é a cara que a Ford projeta para a próxima década, seguindo a tendência mundial de design

A Ford está prestes a mostrar a nova geração do Focus, o que deverá acontecer no próximo Salão de Genebra (Suíça), em março do ano que vem. Só o que resta para sua completa revelação são alguns testes finais. Seguindo a linha de design do novo Fiesta europeu, o hatch é uma opção maior e mais refinada, como se nota, por exemplo, nos faróis em LED e um friso horizontal em seus centros, lembrando até os novos modelos da Volvo, de acordo com as imagens publicadas na página do Ferd, no Facebook.  Entretanto, ainda não há previsão de quando o novo modelo chegará ao Brasil.

LEIA MAIS: Volkswagen Golf será vendido nas versões elétrica e híbrida no Brasil

A intenção da Ford é de dar um ar mais maduro e refinado ao novo Focus, que tem como principal concorrente o sóbrio Volkswagen Golf, quem possui uma legião de fãs. Ainda sem muitas informações quanto ao interior, a ideia é a de que o carro irá partilhar o visual do painel e seus instrumentos com o Fiesta (que recebeu atualizações no sistema multimídia), só que com mais espaço e acabamento mais caprichado, já que se trata de uma versão superior na linha. 

LEIA MAIS: VW Virtus é revelado por completo. Começa a chegar às lojas em fevereiro

Um novo Ford

Repare que as lanternas traseiras mudarão completamente em relação as da atual geração do Focus vendida no Brasil
Reprodução/Ferd
Repare que as lanternas traseiras mudarão completamente em relação as da atual geração do Focus vendida no Brasil

Com a tendência crescente de se produzir carros ao estilo europeu, o conceito unificado dos carros da marca americana, que preserva a sua identidade (e o gosto de seus clientes fiéis), parece ter, em parte, se perdido quando se observa o novo carro. No que antes era intuitivo olhar para um Focus e reconhecê-lo como um Ford, hoje já se pensa duas vezes antes de fazer uma afirmação dessas. O que explica mudanças assim é a sede das montadoras por inovações tecnológicas e “espirituais” de seus produtos, que cada vez mais vão se definindo como os carros dos anos 2020.

LEIA MAIS: Ford lança versões renovadas do Fiesta a partir de R$ 56.690

Novidades mecânicas incluem um motor de três cilindros, Ecoboost, e uma versão híbrida. Vale lembrar que o segmento de hatches médios vem perdendo bastante espaço para os SUVs no Brasil e que deve seguir um novo viés num futuro próximo. Isso significa que os hatches médios deverão partir para versões exclusivas. A Volkswagen, por exemplo, já confirmou que vai trazer ao Brasil a versão híbrida do Golf (a GTE) e a elétrica (o e-Golf), já em 2018. Agora, resta saber qual será a estratégia que a Ford vai adotar com o novo Focus no mercado brasileiro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.